Coluna

Paulo César Norões: retrocesso na Câmara

pc

Paulo Cesar Norões

Colunista de Política • pcnoroes@diariodonordeste.com.br

01:00 · 13.07.2018

Raramente o Congresso aprova leis que realmente combatam a forma arcaica de fazer política no Brasil, onde o que é público vira instrumento de perpetuação de grupos específicos no poder. É o caso dos altos cargos em empresas públicas. A chamada Lei das Estatais, de 2016, proibiu a nomeação de parentes de políticos e de caciques partidários para os conselhos de administração das estatais. Uma conquista da sociedade que agora está ameaçada, em função de um destaque incluído pelo PR em projeto que regulamenta as agências reguladoras. O mais lamentável é que o PR incluiu o fim das medidas moralizadoras em um projeto que discutia justamente novos dispositivos que ajudassem a manter as agências reguladoras o menos suscetível possível às ingerências políticas.

Bem diferente

Cearense Danilo Forte (PSDB), relator do projeto, vai na direção oposta ao destaque apresentado pelo deputado baiano José Carlos Araújo (PR). Prevê mandatos de cinco anos para os membros dos conselhos diretores das agências, com estas tendo autonomia administrativa e submetidas ao controle externo do Congresso e do TCU. Resta agora recorrer ao plenário para reverter a decisão da Comissão Especial.

Política & feijão

Depois de lançar o Movimento 12 Brasil, ontem, em Fortaleza, presidente nacional do PDT permanece no Ceará para um giro político no Cariri. Sábado de manhã ele participa de encontros no Crato e depois será levado pelo deputado federal André Figueiredo para a tradicional feijoada do colunista Marcos Peixoto, ponto de encontro do mundo político em tempo de abertura da Expocrato.

Mais mulheres

Preocupada com o baixo índice feminino nas casas legislativas - na Assembleia são só seis - deputada Aderlânia Noronha (SD) emplacou projeto que cria data no calendário de eventos do Estado para maior participação feminina na política do Ceará. E vai além. Sugere cotas obrigatórias de cadeiras femininas no Parlamento e mais mulheres na estrutura decisória dos partidos.

Oposição nas ruas

Próximos cinco dias serão intensos na caminhada do General Guilherme Theophilo pelo Interior. Pré-candidato ao Governo pelo PSDB vai, junto com Roberto Pessoa, Danilo Forte, Carlos Matos e Luís Eduardo Girão ao Vale do Jaguaribe, Centro-Sul e Cariri. Jornada começa hoje à noite, em Limoeiro. Passam por Jaguaribe, Icó, Barbalha, Jucás e terminam o giro na Expocrato, terça.

Quem serão?

Convenção do PSDB já tem data definida. Será no dia 29 de julho. Até lá serão definidos o nomes que completarão a chapa oposicionista. A preço de hoje, Mayra Pinheiro é mais bem cotada a vice do General Theophilo. Já Luís Pontes e Lúcio Alcântara disputam a vaga de senador. Tucano amigo da coluna avalia que, embora Lúcio apareça bem em pesquisas, Pontes tem demonstrado mais vontade.

"Poder Judiciário não pode ser utilizado como balcão de reivindicações ou manifestações de natureza política ou ideológico-partidárias".

Laurita Vaz, presidente do STJ, ao negar mais 143 pedidos de liberdade para Lula

Tem mais...

No TRE Diretórios de todos os partidos foram convidados pela presidente Nailde Pinheiro para reunião na manhã da próxima segunda-feira (16).

Novidades Serão apresentadas as inovações legislativas e de procedimentos para o registro de candidaturas nas Eleições 2018, em agosto.

Organizando... Mauro Benevides, vice-presidente da Constituinte, e Bernardo Cabral, o relator, juntos com a Fundação Ulisses Guimarães e OAB procuram acertar uma data para festejar os 30 anos da Constituição de 1988.

...A festa Ideia é fazer a comemoração no dia 31/10, quando os parlamentares já estarão de volta a Brasília, após a eleição. A Carta Cidadã foi promulgada no dia 5 de outubro de 1988.

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.