coluna

Paulo Cesar Norões: Resultado imprevisível

pc

Paulo Cesar Norões

Colunista de Política • pcnoroes@diariodonordeste.com.br

01:00 · 04.04.2018

Brasil de olho hoje no sisudo STF. Nove homens e duas mulheres, do alto de seu saber jurídico e da imponência que o cargo de ministro da Suprema Corte lhes confere, decidirão sobre o pedido de habeas corpus que pode livrar o ex-presidente Lula da prisão. O STF está dividido. Celso de Mello, Gilmar Mendes, Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski e Marco Aurélio querem a revisão do entendimento favorável à prisão em 2ª instância. Já Edson Fachin, Luís Fux, Roberto Barroso, Carmen Lúcia e Alexandre de Moraes entendem que a jurisprudência que vigora desde 2016 deve ser mantida. A incógnita é o voto de Rosa Weber. Ela tem decidido de acordo com a jurisprudência, mas em 2016 votou pela prisão após julgamento no STJ. Seja qual for o resultado, vai causar rebuliço. E foi o próprio STF, com suas idas e vindas, que provocou esse estado de tensão.

FG de saias

Image-0-Artigo-2382709-1

Quinta-feira, às 9h, na sede da Coordenadoria Especial da Participação Social da Prefeitura de Fortaleza, funcionários se reúnem para a despedida da colega Lia Ferreira Gomes, que se desincompatibiliza para disputar cadeira na Assembleia Legislativa. Única mulher entre os filhos de Dona Mazé e Zé Euclides, essa Ferreira Gomes de saias não nega a origem. É tão ou mais valente - politicamente - que seus irmãos.

Voz do Brasil

Presidente Michel Temer sanciona hoje, 11h, em solenidade no Palácio do Planalto, a lei que flexibiliza o horário de transmissão da Voz do Brasil. Uma conquista dos radiodifusores, que durante vários anos lutaram pelo direito de exibir o tradicional noticiário oficial dos três poderes da República em horário mais adequado aos seus interesses de Programação e comerciais.

Posicionamento

Cearense Tasso Jereissati (PSDB) está entre os 13 senadores que assinaram documento enviado ontem à presidente do STF, ministra Cármen Lucia, a favor da manutenção da prisão de condenados em segunda instância. Juntam-se, assim, aos cinco mil magistrados e membros do Ministério Público Federal que assinaram e entregaram manifesto semelhante à Suprema Corte.

Tucano...

Há uma razão simples para que Lúcio Alcântara desista da aposentadoria política - a qual chegou a anunciar após Gorete Pereira assumir o comando do PR - e acompanhe Roberto Pessoa na filiação ao PSDB. O ex-governador apareceu bem avaliado na pesquisa encomendada pelos tucanos e virou alternativa para a chapa majoritária da oposição, este ano. Quem sabe para o Senado?

...Outra vez

Interessante lembrar que Lúcio Alcântara deixou o PSDB após ser abandonado na tentativa de se reeleger governador, em 2006. Tasso Jereissati, à época, ofereceu-lhe a opção de se candidatar ao Senado, pois queria votar no então aliado Cid Gomes. Lúcio insistiu e, mesmo com gestão bem avaliada nas pesquisas, foi derrotado. Eleição seguinte, porém, mostrou que ele não perdeu sozinho.

"É decisão da direção do PT Ceará sair só nas eleições proporcionais"

De Assis Diniz, presidente do PT no Ceará. A direção do partido rejeita, portanto, coligação com outros partidos nas eleições de deputados estaduais e federais. Na nota divulgada, nada sobre o desejo do senador petista José Pimentel de disputar a reeleição, o que colocaria em xeque a propalada aliança de Camilo Santana e Eunício Oliveira. Afinal, são só duas vagas e uma já é de Cid Gomes.

Tem mais...

Prestígio. Tasso Jereissati, liderança maior dos tucanos no Ceará, é quem vai abonar a ficha de filiação de Roberto Pessoa. Senador confirmou presença na solenidade, amanhã, no Ginásio 7 de Setembro, em Pajuçara, Maracanaú.

Liberado. Justiça Eleitoral decidiu autorizar transexuais e travestis a pedirem a inclusão do nome social no título de eleitor. Com a medida, também será possível atualizar a identidade de gênero no cadastro eleitoral.

Tem lado. Setor produtivo do Ceará tem ótimo relacionamento com Camilo Santana e já sinalizou apoio à sua reeleição. Entretanto, as diferenças com o partido do governador permanecem. Ontem, a Fiec e todos os seus filiados saíram com anúncio de duas páginas nos jornais contra a concessão do habeas corpus a Lula.

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.