Coluna

Paulo Cesar Norões: números alarmantes

pc

Paulo Cesar Norões

Colunista de Política • pcnoroes@diariodonordeste.com.br

01:00 · 30.09.2017

804 mil pessoas cometem suicídio todos os anos. Em torno de 11,4 mortes para cada grupo de 100 mil habitantes. Números alarmantes que fazem parte de relatório divulgado pela Organização Mundial de Saúde (OMS), que trata o suicídio como um grande problema de saúde pública, que precisa ser encarado com seriedade pelos governos e tratado de forma eficaz. São muitos os fatores que levam alguém a tirar a própria vida. "O mais comum é um transtorno mental ou psicológico que pode incluir depressão, transtorno bipolar, esquizofrenia, alcoolismo e abuso de drogas", define a deputada estadual Aderlânia Noronha (SD), que apresentou pertinente projeto para criar sistema telefônico gratuito para atendimento às pessoas em quadro depressivo, prevenindo e minimizando a evolução ao suicídio.

Tenham dó

Obvia a necessidade de formalização no uso de recursos do Estado. Não é sensato, porém, que o repasse de R$ 370 mil, que banca cirurgias de pessoas pobres atendidas pela Santa Casa, seja interrompido por questões burocráticas. É desumano. A Santa Casa está de pé graças a ação voluntária de pessoas como o ex-prefeito Luiz Marques, atual provedor. Governador Camilo Santana precisa encontrar uma solução.

Novos redutos

Pré-candidato a deputado estadual, Salmito Filho (PDT) vai se articulando pelo Interior para viabilizar sua candidatura. Além de Fortaleza, onde tem tido votação crescente para vereador, ele aposta na região da Ibiapaba. Lá, lideranças de várias cidades apostam nele para coordenar câmaras municipais em um trabalho conjunto em defesa dos interesses da região.

Estudantes

A tradicional Casa do Estudante foi fundamental para dar condições a muitos jovens do Interior que vinham estudar em Fortaleza e não tinham onde morar. O hoje senador Eunício Oliveira foi um deles. Seu sobrinho Danniel, deputado estadual, quer agora erguer uma unidade em Barbalha, que junto com Crato e Juazeiro do Norte, formam um grande

Núcleo universitário.

Patrimônio

Vereador Acrísio Sena (PT) comemorou intenção do secretário municipal da Cultura, Evaldo Lima, de declarar a Festa de Iemanjá como patrimônio cultural de Fortaleza. Ano passado, Acrísio apresentara requerimento nesse sentido à Secultfor. "A Festa de Iemanjá de Fortaleza é uma das mais tradicionais do País e chegou a reunir mais de 300 mil pessoas em uma só edição", justificou à época.

Sobral

Volume dos açudes da Bacia do Acaraú, responsáveis pela demanda da região de Sobral, garante o abastecimento durante este ano e o próximo. Os 15 açudes que compõem a bacia estão com volume médio de 22,69%. Situação bem melhor que a do açude Castanhão, que abastece a Grande Fortaleza e está com apenas 4% da capacidade. Ainda assim, a ordem é racionar o consumo por lá.

"Se não fizermos Reforma do Estado agora ou no próximo presidente, vamos estar inviabilizando investimentos em áreas fundamentais do Brasil"

Dep. Rodrigo Maia (DEM)
Presidente da Câmara Federal

Tem mais...

Vice-presidente do Fortaleza Esporte Clube, Marcello Desidério, esteve no escritório do deputado federal Danilo Forte (PSB). Na pauta, patrocínio da Caixa Econômica para o clube tricolor.

Patrocínio foi tentado anteriormente, mas negado porque o Fortaleza disputava a série C do Campeonato Brasileiro. Como subiu, agora pleiteia o que vários clubes do mesmo porte - o rival Ceará, inclusive - desfrutam. Danilo prometeu ajudar.

Ex-senador Mauro Benevides com agenda cheia ontem, em Fortaleza. Além de debate sobre os 30 anos da Constituição de 1988, foi à entrega da Sereia de Ouro - que ele já recebeu nos anos 1980 - e apresentou livro de César Barreto sobre o Padre José Palhano, no Náutico. Fôlego de menino...

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.