Coluna

Paulo Cesar Norões: Força-tarefa chegando

pc

Paulo Cesar Norões

Colunista de Política • pcnoroes@diariodonordeste.com.br

01:00 · 19.02.2018

Finalmente, o presidente Michel Temer pôs em prática a promessa feita ao governador Camilo Santana, mês passado, e enviou uma força-tarefa para, segundo a nota oficial da Presidência, "dar apoio técnico às forças de segurança estaduais nas ações de combate ao crime organizado". 36 homens, 26 deles da Polícia Federal e 10 da Força Nacional de Segurança Pública, sob o comando do almirante Alexandre Mota, secretário-adjunto da Secretaria Nacional de Segurança Pública. Fala-se que o assassinato de dois líderes do PCC, em Aquiraz, pesou na decisão do presidente. Pode ser. Assim como ajudou bastante a persistência do senador Eunício Oliveira (MDB), que além de viabilizar a reunião de Camilo com Temer, em janeiro, não saiu do pé do presidente até que ele concretizasse o envio da força-tarefa.

Pra valer

A vinda do ministro da Justiça e Segurança Pública, Torquato Jardim, junto com a força-tarefa, sinaliza a intenção do governo federal de que essa ajuda realmente faça a diferença e os números da violência sejam reduzidos no Ceará. O Estado é hoje considerado um dos mais problemáticos, com presídios e comunidades sob o domínio de facções em guerra pelo domínio do tráfico de drogas.

Política

Disposto

Não é mais especulação, agora é o próprio deputado Capitão Wagner (PR) que já admite rever decisão e se lançar candidato ao Governo do Estado. Não é difícil entender por quê. Segurança ganhou status de pauta nacional do momento. Justamente a área que alavancou a carreira política do policial-deputado, que tem conduzido seu mandato com ênfase nessa área.

Bem na fita

Tida há alguns meses como complicada, a reeleição de Eunício Oliveira começa a se desenhar bem mais tranquila. A força da presidência do Senado transformou-o no viabilizador dos projetos cearenses. Não só do governo, mas de prefeituras. Amanhã, ele põe em votação no Senado decreto presidencial liberando R$ 2 bi para os municípios.

Gratidão

Não à toa, o senador emedebista tem colecionado promessas de apoio de diversos prefeitos, independentemente de sair candidato pela situação ou oposição. É o caso, por exemplo, do tucano Argemiro Sampaio, de Barbalha, que é de oposição, mas não esconde de ninguém que votará em Eunício. "Se não fosse ele, os hospitais de Barbalha estavam todos fechados", justifica o prefeito.

Carta Magna

Em que pese o assunto do momento ser Segurança Pública, ex-senador Mauro Benevides e ex-ministro Bernardo Cabral, respectivamente vice-presidente e relator da Constituinte de 1988, vão conversar, nos próximos dias, com os presidentes da Câmara e Senado, no sentido de conseguir deles apoio para uma força-tarefa para votar dispositivos da Carta, que aguardam regulamentação há 30 anos.

"Temos investido na qualificação de novos profissionais no Interior como forma de desenvolver a economia nessas cidades e de manter as pessoas trabalhando e morando em sua própria região"

Josbertini Clementino, secretário do Trabalho e Desenvolvimento Social, comemorando entrega de certificados a mais de 150 novos profissionais lançados no mercado de trabalho

Image-0-Artigo-2364368-1

Tem mais...

Deputado Domingos Neto é quem ciceroneará ministro Gilberto Kassab, que apresenta para os cearenses, hoje à tarde, no Sebrae, o programa Internet para todos.

Danieli Machado, de Santana do Cariri, é a 52ª prefeita do PDT - a 12ª no Ceará. A ficha dela foi abonada pelo presidente do partido no Estado, deputado André Figueiredo.

Prefeito Roberto Cláudio entrega, no fim da tarde de hoje, em Messejana, a Praça José Barros de Alencar. Justa homenagem ao saudoso vereador de tantos mandatos, sempre representando o bairro em que morava.

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.