Coluna

Paulo César Norões: Eleição em turno único?

pc

Paulo Cesar Norões

Colunista de Política • pcnoroes@diariodonordeste.com.br

01:00 · 07.06.2018 / atualizado às 01:24

A se confirmar a eleição de governador do Ceará com apenas três candidatos - Ailton Lopes (PSOL), Camilo Santana (PT) e General Theophilo (PSDB) -, cresce a chance das coisas se resolverem logo no 1º turno. Basta que o primeiro colocado tenha mais votos do que a soma dos outros dois. Foi o que aconteceu cinco vezes, desde que a eleição de governador passou a ser disputada em dois turnos. Ciro Gomes (1990), Tasso Jereissati (1994 e 1998), e Cid Gomes (2006 e 2010) tiveram mais de 50% dos votos e foram eleitos diretamente. Disputa mais acirrada foi em 2002. Eleição quase acaba no 1º turno. Lúcio Alcântara teve 49,79% dos votos. No 2º turno, impulsionado pela onda vermelha de Lula, o petista José Airton herdou quase todos os votos dos outros cinco candidatos e perdeu por pouco mais de 3 mil votos de diferença. Lúcio ganhou com 50,04%.

Dessalinização

Comissão de Minas e Energia da Câmara Federal aprovou projeto de lei do deputado Leônidas Cristino (PDT), que concede incentivos fiscais para a implantação, operação e manutenção de plantas de dessalinização de água marinha na área de atuação da Sudene. Projeto já havia sido aprovado também na Comissão de Integração Nacional e segue tramitando, até chegar à votação em Plenário.

Urgência

Câmara Municipal de Fortaleza aprovou na sessão de ontem tramitação em regime de urgência para a mensagem do prefeito Roberto Cláudio, que trata do acordo gerado pela greve dos professores do Município. São três matérias - gratificação por deslocamento, reajuste e estatuto do magistério - que devem ser aprovadas no mais tardar na próxima semana.

Prometeu

Ministro da Integração Nacional, Pádua Andrade, voltou a garantir que o Governo Federal vai cumprir os prazos e, até agosto, as águas do São Francisco chegarão ao Ceará e, até dezembro, percorrerão os 260 quilômetros de canais do Eixo Norte. Promessa feita durante audiência pública da Comissão de Desenvolvimento Regional e Turismo (CDR), no Senado Federal.

Preferência

Iniciativa do deputado federal André Figueiredo (PDT) pode triplicar receitas anuais da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos, que hoje giram em torno de R$ 20 bilhões. Como? Órgãos e entidades federais da Administração Direta e Indireta terão que dar preferência aos serviços

Da ECT. Projeto de lei já passou na Comissão de Ciência e Tecnologia da Câmara Federal.

Ideia antiga

Vale ressaltar que texto aprovado ontem na CCT foi elaborado pelo deputado André Figueiredo quando ele era Ministro das Comunicações, em 2016, com o objetivo de publicar na forma de um Decreto da Presidência da República. Com a mudança de governo, o pedetista reassumiu o mandato de deputado federal e apresentou o texto na Câmara, agora na forma de Projeto de Lei..

"Peguei um tempo em que estava em pleno comando da Câmara o Michel Temer e o Eduardo Cunha, batendo bola um com o outro para roubar a nação"

Ciro Gomes, em sabatina no Correio Braziliense. Lembrou que ambos já o processaram. "Um já está na cadeia e o outro vai", completou.

Tem mais...

Educação

Próximo dia 16, em Fortaleza, o Partido Novo realiza um fórum para debater soluções para a Educação. O Novo, aliás, ainda não decidiu se vai lançar candidato a governador no Ceará. Certeza, no momento, só candidaturas às casas legislativas e o apoio a José Amoedo para presidente.

Puxado

Desembargador Washington Araújo e sua equipe conseguiram limpar, em maio, o estoque de 8.142 processos conclusos para admissibilidade. De fevereiro de 2017 pra cá, a vice-presidência do Tribunal de Justiça totalizou 16.143 atos judiciais praticados.

Fórum

Procurador-geral adjunto, João Régis Matias, representou a PGE-CE no Fórum IBGP de Governança de TI, em Brasília. Evento foi promovido pelo Instituto Brasileiro de Governança Pública.

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.