COLUNA

Paulo Cesar Norões: Candidatura sepultada

pc

Paulo Cesar Norões

Colunista de Política • pcnoroes@diariodonordeste.com.br

01:00 · 16.02.2018

Luciano Huck disse não pela segunda vez aos insistentes convites para que saísse candidato a presidente da República. Não que ele não quisesse. Mas, falou mais alto seus contratos profissionais. A Rede Globo tem como norma não aceitar o envolvimento de seus funcionários com a política e exigiu uma definição imediata. Não é segredo pra ninguém que Huck fatura milhões, assim como sua mulher Angélica, que também teria que se afastar da emissora. Além disso, Huck sabe que teria a vida devassada. E, convenhamos, não é fácil, na política o ônus da prova cabe ao acusado. O preço a pagar seria realmente muito alto e Huck não se dispôs a bancar. A decisão dele mantém em aberto uma candidatura de centro. E vai ser difícil encontrar alguém com o perfil dele, com a popularidade já consolidada. Segue o jogo.

Jovem liderança

Image-0-Artigo-2363053-1

Domingos Neto entrou na política pelas mãos do pai, Domingos Filho. Tem demonstrado, porém, brilho próprio para iluminar sua atuação parlamentar. Não é fácil se destacar num universo de 513 deputados federais. Pois bem, Domingos é o novo líder da 5ª maior bancada da Câmara Federal. 40 deputados do PSD passam a atuar sob a liderança dele. Não é pouco para um jovem que ainda nem chegou aos 30 anos.

Dúvida

Pelo menos três deputados estaduais têm convite para se filiarem ao PDT, aproveitando a "janela" a ser aberta pela Justiça Eleitoral: Osmar Baquit e Gony Arruda, ambos do PSD, e Tin Gomes (PHS). A dúvida deles é porque o PDT é uma legenda "pesada", onde se abrigam os mais votados. Estima-se que sejam necessários em torno de 60 mil votos para voltar para a Assembleia Legislativa.

Parecer contrário

Comissão de Constituição e Justiça da Câmara de Fortaleza deu parecer contrário ao projeto da vereadora Larissa Gaspar (PPL), que cria o Programa Escola Sem Censura, por conta de um artigo que prevê que o Executivo crie um canal para receber denúncias relacionadas ao descumprimento da Lei. O que, segundo o parecer, seria invadir a competência do Executivo. Larissa recorreu.

Medo

Tramita na Assembleia Legislativa, desde fevereiro de 2015, requerimento pedindo a instalação da CPI do Narcotráfico. O deputado Capitão Wagner (PR) já se dispõe até a presidi-la. Ontem, o líder do Governo, Evandro Leitão (PDT), revelou que "não assino qualquer Comissão neste sentido. Tenho família, tenho medo". Deputada Dra. Silvana (MDB) aproveitou e sugeriu uma CPI da Saúde.

Ministério

Vem aí o Ministério da Segurança Pública e o nome mais cotado para comandá-lo é o do ex-governador de São Paulo, Luís Antônio Fleury Filho. A nova Pasta já nasce forte porque abrigará a Polícia Federal. O ministro da Justiça, Torquato Jardim, deve renunciar logo após a publicação do novo Ministério. É o que se comenta nos corredores brasilienses.

"A legislação tem que, cada vez mais, resguardar o profissional de segurança pública de forma geral e as instituições"

Dep. Cabo Sabino (PR), sobre projeto de Lei que obriga detento a ressarcir o Estado por eventuais gastos decorrentes da ação policial, que ensejou sua condenação. Projeto já tramita na Câmara Federal

Tem mais...

Governador Camilo Santana recebeu o prefeito João Paulo Xerez, de Maranguape, e prometeu quatro novas ambulâncias e a entrega de um equipamento chamado foco cirúrgico para o Hospital Municipal.

Xerez comemorou ainda início do processo de licitação para a construção de uma Delegacia 24h em Maranguape e promessa de recursos para obras de pavimentação.

Programa TCEduc - Formação e Aprimoramento da Gestão, do Tribunal de Contas do Estado, será iniciado nesta terça (20), em Juazeiro do Norte, e quinta (22), em Iguatu.

Terça-feira a Assembleia vai aprovar a criação da Vara de Delitos de Organizações Criminosas. Mensagem foi enviada pelo Tribunal de Justiça por sugestão do governador Camilo.

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.