Lançamento

Cearenses vão a Brasília em apoio a Ciro Gomes

01:00 · 08.03.2018

Apesar de ter sido um dos primeiros presidenciáveis a se colocar como pré-candidato ao pleito de outubro próximo, o ex-governador e ex-ministro Ciro Gomes, do PDT, não despontou entre os favoritos nas pesquisas eleitorais até o momento. Visando dar um novo fôlego à pré-candidatura, o pedetista terá seu nome lançado pelo partido, hoje, em Brasília, para a disputa eleitoral.

Para além disso, o PDT prepara a continuidade da caravana "Rumo 12" para consolidar a pré-candidatura de Ciro no Ceará. As próximas incursões acontecerão na Região Norte do Estado, onde está localizado o principal colégio eleitoral da família Ferreira Gomes. Parlamentares disseram ao Diário do Nordeste que, a partir de agora, haverá uma movimentação com o intuito de alavancar o nome do pedetista no cenário nacional.

Todas as lideranças políticas do PDT no Ceará, dentre elas o presidente da Assembleia Legislativa, Zezinho Albuquerque, e o presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, Salmito Filho, devem comparecer ao evento. Líder do Governo Camilo Santana, o deputado Evandro Leitão também estará em Brasília. Para ele, após o lançamento oficial da pré-candidatura, "as pessoas agora terão a oportunidade de fazerem o juízo de valor".

Ciro não decolou ainda nas pesquisas de intenções de votos. Para Leitão, porém, fora o nome do ex-presidente Lula, que lidera todos os levantamentos, os demais seguem mais ou menos no mesmo patamar de preferência do eleitor. "A definição sobre a candidatura do Lula será, a meu ver, o principal ponto para a decolagem", disse, por sua vez, Sérgio Aguiar (PDT), que está em Brasília desde ontem.

A Executiva Ampliada do PDT se reúne na sede nacional do partido, na capital federal, a partir das 14h, para discutir rumos e prováveis nomes que disputarão as eleições de outubro. De acordo com a legenda, para o Senado, serão indicados no Ceará os nomes do ex-governador Cid Gomes e do atual líder do PDT na Câmara dos Deputados, André Figueiredo. No entanto, existe a possibilidade de apenas Cid ser o indicado da sigla na coligação governista local.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.