EXECUÇÕES SUMÁRIAS

Violência atinge o Sertão Central

01:51 · 02.10.2010
( )
O plantão policial começou, e promete continuar agitado às vésperas das eleições no Sertão Central. Depois da execução do assaltante Edson Rodrigues da Silva, o ´Pirulito´, no domingo passado, na Várzea da Onça, a 22Km do Centro de Quixadá, quatro dias depois mais dois assaltantes foram mortos naquela localidade. O duplo homicídio ocorreu no início da noite de quinta-feira.

Segundo a Polícia, os dois homens foram assassinados com tiros de arma de grosso calibre, provavelmente escopeta. José Oélio Silva de Queiroz e Antônio Raí Sabino de Lima eram acusados de um latrocínio (roubo seguido de morte). O crime foi praticado a golpes de machado no ano passado, em Banabuiú.

Mais um

Cerca de uma hora depois, populares encontraram o corpo do assaltante Sílvio Sousa Moreira ao lado da via férrea, na Fazenda Riacho da Pedra, distrito de Daniel de Queiroz, a 35Km do Centro de Quixadá. O corpo não apresentava nenhum vestígio de morte violenta. Ele era um dos oito foragidos da cadeia pública de Quixadá. A fuga ocorreu na terça-feira, dia 28. O comparsa e conterrâneo de Mossoró (RN), Luiz Artur de Freiras e outros cinco presidiários ainda estão sendo procurados.

Além do assaltante Sílvio Moreira, por volta das 19h30 o aposentado José Alves Maia, 70, foi assassinado no Sítio Verde, na zona rural de Milhã. (Alex Pimentel, colaborador).

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.