Paracuru

Suspeitos da Chacina do Benfica são capturados

01:00 · 03.05.2018

Mais dois suspeitos de participar da Chacina do Benfica, ocorrida no dia 9 de março deste ano, foram presos, na última segunda-feira (30). Conforme fontes das polícias Civil e Militar, Stefferson Mateus Rodrigues e Francisco Elisson Chaves de Souza foram capturados em flagrante por tráfico de drogas, no Município de Paracuru, na última segunda-feira (30).

Segundo as fontes, que optaram por não se identificar, a dupla é suspeita de vários delitos no Interior, posteriores à chacina. Até a noite de ontem, Stefferson Rodrigues e Elisson Sousa ainda não haviam sido ouvidos pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

A participação deles na matança foi revelada por Douglas Matias da Silva, detido horas após os tiroteios, que vitimaram sete pessoas, em três pontos diferentes do Benfica. Em depoimento, Silva disse ser membro da facção local Guardiões do Estado (GDE), e que encontrou os comparsas minutos antes do episódio. A defesa de Douglas Silva solicitou ao Poder Judiciário que ele fosse mantido preso em uma cela separada, em uma unidade prisional da Região Metropolitana de Fortaleza (RMF).

O advogado alegou em sua petição que, após ter assumido o crime, seu cliente começou a ser ameaçado de morte por outros integrantes da facção local, GDE. Douglas Silva assumiu ter participado de quatro das sete execuções no Benfica.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.