Quatro mulheres mortas em 2 dias - Polícia - Diário do Nordeste

Violência

Quatro mulheres mortas em 2 dias

11.02.2012

A maioria dos homicídios contra mulheres tem motivo passional ou ligação com o tráfico
A maioria dos homicídios contra mulheres tem motivo passional ou ligação com o tráfico
FOTO: KIKO SILVA
Uma mulher foi assassinada , possivelmente vítima de um latrocínio (roubo seguido de morte) na Avenida Senador Tarso Jereissati, próximo ao Aeroporto Internacional Pinto Martins, na noite de quinta-feira última. Francisca Cleane da Silva, 26, trafegava em uma motocicleta com o marido, quando o casal foi abordado por dois homens, em um carro.

O marido de Cleane disse que todos os pertences que foram exigidos pelos criminosos foram entregues imediatamente. Mesmo assim, eles atiraram e atingiram Cleane na clavícula e fatalmente na cabeça.

Os homens que praticaram o homicídio fugiram sem que fossem identificados. A Polícia investiga as motivações do crime. A principal hipótese é que se trata de um latrocínio. Mas como, o marido da vítima sustenta que não houve reação ao assalto, e mesmo assim os assassinos atiraram, a hipótese de um crime planejado é investigada.

Mortes

Somente nas últimas 48 horas, quatro mulheres foram mortas em Fortaleza. Na madrugada de quinta-feira aconteceram três casos de execuções. Os crimes ocorreram no Genibaú, Praia de Iracema e no Conjunto José Walter. A maioria dos casos apontam para ligação com o tráfico de entorpecentes.

No Ceará, neste ano, 26 mulheres foram executadas. Vinte delas foram mortas em Fortaleza; uma na Região Metropolitana (Município de Horizonte). Outras cinco, na Região do Cariri - duas em Juazeiro do Norte, uma no Crato e uma em Barbalha - além de um caso em Sobral.

Comente essa matéria


Editora Verdes Mares Ltda.

Praça da Imprensa, S/N. Bairro: Dionísio Torres

Fone: (85) 3266.9999