jaguaribe

Ordem para interditar delegacia não foi cumprida

01:00 · 17.07.2017

Devido à problemas estruturais e superlotação de presos, a Justiça determinou que a Delegacia Regional de Jaguaribe fosse interditada. Porém, até ontem, o prédio permanecia ocupado e com funcionamento irregular.

A decisão proferida no último dia 3 obrigava que em prazo máximo de 10 dias, ou seja, até a quinta-feira (13), o prédio tivesse sido desocupado. Ontem, em contato com a equipe da delegacia, a reportagem foi informada que a determinação segue sem ter sido acatada.

"Estão descumprindo a ordem. O outro lugar para onde iremos está em reforma. Aqui está cheio de rachaduras nas paredes e portas que não fecham", informou um dos servidores, que optou por não se identificar.

O magistrado fixou multa ao Estado de R$ 10 mil por dia de descumprimento ao estipulado. A ordem também determina que a Secretaria da Justiça e Cidadania (Sejus) transfira os presos. Ontem, nove presos permaneciam distribuídos nas duas celas da delegacia, onde a lotação máxima suporta seis pessoas.

A reportagem entrou em contato com a Sejus a fim de saber quando os presos serão transferidos. Até o fechamento desta edição, a Pasta não respondeu.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.