Carga de R$ 90 mil

Três pessoas são presas por roubo a cargas em Fortaleza

Um dos suspeitos havia sido posto em liberdade há cerca de 30 dias após audiência de custódia

18:42 · 21.05.2018 / atualizado às 19:02
Roubo de cargas
De acordo com a Polícia Civil, juntas, as cargas somam um valor aproximado a R$ 90 mil. ( (Foto: Divulgação) )

Dois homens foram presos, na manhã da última quinta-feira (17), nos bairros Granja Portugal e Messejana, suspeitos de roubarem uma carga de medicamentos e produtos de beleza, na Avenida Bezerra de Menezes. Um dos homens havia sido capturado há, aproximadamente, um mês e libertado após audiência de custódia. Os detalhes do caso foram divulgados nesta segunda-feira (21).

Segundo o delegado titular da Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos e Cargas (DRFVC), Diego Barreto, o suspeito João Victor Pereira do Nascimento, que já  havia sido preso há 30 dias, responde por homicídio, extorsão mediante sequestro, crimes patrimoniais e associação criminosa. 

No dia anterior à captura, Nascimento teria tentado roubar uma carga de eletrodomésticos, em Fortaleza. Conforme Barreto, o comparsa de João, identificado como Fabiano Ribeiro Rodrigues, com antecedentes por roubo e receptação, também foi capturado na operação policial. A dupla foi autuada pelos crimes de roubo, associação criminosa e alteração de sinal de veículo automotor. Dois veículos - uma motocicleta e uma Kombi - roubados e com placas clonadas foram aprendidos.  

Segunda ocorrência

Em uma segunda ocorrência, realizada na tarde do último dia 9 de abril, um terceiro homem foi preso pela prática do mesmo crime, no bairro Barroso, em Fortaleza. Gilsinei Rodrigues de Sousa é suspeito de roubar uma carga de produtos de limpeza, lâmpadas e pneus, na Avenida João Pessoa, no mesmo dia em que foi capturado.

De acordo com o titular da DRFVC, o suspeito atuou junto com o grupo criminoso no qual faz parte, e que os demais integrantes já foram identificados. A carga, segundo o delegado, também foi encontrada no bairro Barroso.

Diego Barreto avalia que, juntos, os materiais estão avaliados em cerca de R$ 90 mil. Gilsinei Sousa, até então sem antecedentes, vai responder pelo crime de roubo.  

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.