ofensiva do crime do CE

Série de ataques atinge ônibus, bancos e órgãos oficiais em Fortaleza e RMF nesta quinta-feira

Ao todo, são 23 ônibus incendiados ou que sofreram tentativas de incêndio na Capita

Restos do ônibus incendiado no Vila Velha são arrancados por moradores. Polícia impediu o desmonte total do veículo. ( Cid Barbosa )
09:26 · 20.04.2017 / atualizado às 18:12
Coletivo que fazia a linha Vila Velha/RioMar ficou totalmente destruído. ( FOTO: Fabrício Paiva )
Ônibus alvo de criminosos no bairro Castelo Encantado. ( FOTO: Fabrício Paiva )

Pelo menos cinco novos ataques a ônibus foram registrados nesta quinta-feira (20), em Fortaleza, no segundo dia de onda de ataques criminosos a coletivos, delegacias, bancos e outros estabelecimentos oficiais.

Os novos ataques aconteceram nos bairros, segundo informações do Sindiônibus: 

  • Vila Velha (linha 221 Vila Velha/Riomar Kennedy)
  • Castelo Encantado (linha 907 Castelo Encantado/Centro)
  • Padre Andrade (linha 206 - Padre Andrade/Antônio Bezerra) 
  • Arvoredo/Parangaba, que foi queimado no início da tarde
  • Canindezinho/Jardim Fluminense (linha 346), que deixou gravemente ferido o cobrador

Ao todo, são 23 ônibus incendiados ou que sofreram tentativas de incêndio na Capital nesta quinta e na última quarta.

Saqueamento em lataria de ônibus no Vila Velha

No bairro Vila Velha, dois homens abordaram um ônibus por volta das 8h30, na altura da Rua Gama. A dupla ordenou que todos descessem do veículo e atearam fogo. Segundo o Sargento Fauber, responsável por realizar a ronda na área, um dos suspeitos foi detido e encaminhado para o 17° Distrito Policial. Parte da lataria do veículo estava sendo furtada por moradores da região, o que foi evitado por policiais do Ronda que chegaram até o local.

LEIA AINDA:

Já no Castelo Encantado, um coletivo foi abordado no cruzamento das ruas José Saturbal Filho e Ismael Pordeus, por volta das 9h30. Segundo populares ouvidos pela reportagem no local, que não quiseram se identificar, seis homens abordaram o veículo e ordenaram os passageiros a sair do ônibus. Os criminosos estavam armados. O motorista do veículo chegou a ser banhado pela gasolina, mas conseguiu fugir antes do veículo ser consumidos por chamas. Ainda não há detalhes sobre o ataque ocorrido no bairro Padre Andrade.

Outras ocorrências
Veículos oficiais, ônibus escolar e agências bancárias

Na noite desta quarta, de acordo com informações da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS/CE), um veículo pertencente à Secretaria da Cultura foi atacado no bairro Passaré. O fogo foi debelado pelo próprio condutor, que quebrou os vidros do carro e apagou as chamas, e um ônibus também foi incendiado em Aquiraz.
 
Em Fortaleza e Maracanaú, duas agências bancárias foram atacadas. A primeira foi no bairro Vila Velha, onde suspeitos efetuaram disparos de arma de fogo contra as vidraças, e em seguida, atearam dispositivos inflamáveis, que foram debelados pelo Corpo de Bombeiros. O segundo caso ocorreu em uma agência no Distrito Industrial, em Maracanaú. Suspeitos também efetuaram disparos contra as vidraças do banco.
 
Já na cidade de Itapiuna, a 119 km de Fortaleza, um ônibus escolar da prefeitura da cidade também foi atacado e homens atearam fogo no automóvel. E por volta das 9 horas, suspeitos subiram no muro da antiga sede da Guarda Municipal de Fortaleza, no bairro Rodolfo Teófilo, e efetuaram disparos contra o prédio.

Três delegacias são alvo de ataques
 
Ainda em Maracanaú, suspeitos atiraram contra a fachada do 29° Distrito Policial, no bairro Pajuçara, vindo a atingir alguns veículos que estavam apreendidos. Na madrugada desta quinta-feira (20), um veículo apreendido foi incendiado defronte ao 8° Distrito Policial, no bairro José Walter. Já em Fortaleza, no 33º Distrito Policial no Bairro Goiabeiras, também teve ataque nessa madrugada.
 
 

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.