Em Fortaleza

Rebelião em centro educacional deixa um adolescente morto e outros feridos

A rebelião foi controlada pela polícia. Número de feridos ainda não foi informado

Rebelião aconteceu no Centro Educacional Cardeal Aloísio Lorscheider. Foto: Diário do Nordeste
15:39 · 06.06.2018 / atualizado às 17:28
Foto: Thiago Gadelha

Um adolescente morreu e outros ficaram feridos, nesta quarta-feira (6), em uma rebelião no Centro Educacional Cardeal Aloísio Lorscheider (Cecal), localizado no Planalto Ayrton Senna, em Fortaleza. A informação foi confirmada por uma fonte ligada à Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS-CE). 

Em nota, a Superintendência do Sistema Estadual de Atendimento Socioeducativo (Seas) informou que houve um "confronto direto" entre dois grupos, o que levou à morte de um jovem, que não teve identidade revelada até o momento. O centro educacional chamou o Samu, mas o adolescente não resistiu. 

A rebelião aconteceu por volta das 12h, no momento em que os internos estavam almoçando. A situação foi controlada com equipes da unidade, com apoio do Grupo de Intervenção Tática da Polícia Militar 

A Seas disse ainda que "ações para responsabilização administrativa e criminal para os envolvidos estão sendo realizadas, bem como a articulação junto ao sistema de justiça, uma vez que o Cecal atende jovens adultos, de 18 à 21 anos".

 

Transferências

Por volta das 16h15 desta quarta-feira (6), a polícia transferiu 14 internos do Centro Educacional Cadeal Aloísio Lorscheider envolvidos na rebelião para a Delegacia do 8º Distrito Policial, no José Walter. Em seguida, os detentos feridos vão fazer exame de corpo e delito na Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce). 

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.