NESTA TERÇA (1º)

PM morre após ser baleado por policial civil em barraca na Praia do Futuro

O policial militar foi socorrido para o Instituto Dr. José Frota (IJF), no Centro, mas não resistiu aos ferimentos.

23:57 · 01.05.2018 / atualizado às 09:56 · 02.05.2018

Um policial militar foi morto na noite desta terça-feira (1º), feriado do Dia do Trabalhador, após ser alvejado numa barraca da Praia do Futuro. O autor dos disparos foi um policial civil. O PM foi socorrido para o Instituto Dr. José Frota (IJF), no Centro, mas não resistiu aos ferimentos.

A vítima foi identificada como Francisco Bonivarde Castelo Branco Naum, 3º sargento da ativa, de 28 anos. Num vídeo que circula nas redes sociais, é possível ouvir, pelo menos, cinco disparos em frente à barraca de praia.

Segundo a versão de um amigo de Bonivarde, também PM, a confusão teria ocorrido por volta das 21h30, após um esbarrão e discussão entre os envolvidos durante uma festa no estabelecimento. Bonivarde teria atirado para cima, e o inspetor Egberto Setúbal Freitas, 25 anos, atirado no PM.

O próprio Egberto socorreu Bonivarde para o IJF. O policial civil foi preso em flagrante e levado ao 9º Distrito Policial, no bairro Vicente Pinzón. No Diário Oficial do Estado (DOE-CE), consta que Egberto Setúbal Freitas já foi soldado da PM.

Em nota, a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informou que um inquérito foi instaurado na Delegacia de Assuntos Internos (DAI), da Controladoria Geral de Disciplina dos Órgãos de Segurança Pública e Sistema Penitenciário (CGD), para apurar a conduta do policial civil.

Com informações da TV Diário.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.