DIÁRIO CHECOU!

Onda de ataques em Fortaleza: o que é verdade e o que é boato

Áudios, textos, fotos e vídeos - inclusive montagens - circularam nas redes sociais e WhatsApp relatando de arrastões, incêndios em subestações da Enel a assassinato de policial. Nossa redação apurou e listará o que é verdade e o que é boato.

13:48 · 20.04.2017 / atualizado às 19:21 · 21.04.2017

Várias mensagens, fotos e montagens circulam nas redes sociais e são compartilhadas via WhatsApp relacionadas a novos locais, feridos e vítimas da onda de ataques de criminosos a ônibus, delegacias, bancos e órgãos oficiais.

Por exemplo, houve denúncias e supostas ocorrências de arrastões, assassinato de policial a incêndios em subestações da Enel.

O Diário do Nordeste apurou as mensagens que chegaram à nossa redação, de textos, fotos e vídeos, que causaram medo e até pânico a moradores de Fortaleza e Região Metropolitana. 

Veja o que é verdade e o que é boato:

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.