Ações criminosas

Dois veículos da Enel são atacados no bairro Cidade dos Funcionários

De acordo com a empresa, um dos carros foi incendiado e o outro foi atingido por disparos de arma de fogo

Um dos carros da companhia foi incendiado nesta tarde ( Foto: Messias Borges )
16:55 · 19.04.2017 / atualizado às 19:08

Dois veículos da Enel Distribuição Ceará foram atacados, na tarde desta quarta-feira (19), no bairro Cidade dos Funcionários. De acordo com a empresa, um dos carros foi incendiado e o outro foi atingido por disparos de arma de fogo. Além das ações contra os automóveis da Enel, 12 ônibus foram atacados em Fortaleza

Os ataques aos veículos da Enel ocorreram quando a empresa realizava uma ação de combate ao furto de energia. Nenhum funcionário ficou ferido nas ações. Em nota a empresa afirma que “repudia atos de violência e esclarece que o furto de energia é crime, com pena prevista de um a oito anos de reclusão”.

Além dos ataques a veículos da Enel, um carro do Demutran de Caucaia foi incendiado quando trafegava na Ponte da Barra.

Demutran

Ataques a ônibus na Capital 

O Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus), em comunicado, disse que "repudia veementemente a prática criminosa" que provocou ataques (incêndios e tentativas de incêncios) a 12 ônibus e "causou queimaduras em um motorista".

Já o Comandante do Policiamento da Capital, coronel F. Souto, cita pelo menos seis ataques a coletivos. 

Ainda de acordo com o comandante, vândalos atearam fogo em ônibus nas localidades do Barroso, Cidade Jardim, Barra do Ceará, Jangurussu, na avenida Osório de Paiva e Edson Queiroz. Ainda não há informações oficiais, mas moradores de Caucaia, Eusébio e Horizonte reportaram ações contra ônibus nos três municípios.

Os ataques teriam iniciado por volta das 12h, no Barroso, onde um motorista ficou ferido e foi socorrido pelo Samu. Conforme a assessoria do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará, às 12h10 foram debeladas as chamadas do coletivo incendiado na Rua Confiança, já nas proximidades da Perimetral.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.