aracati e quixelô

Carros-fortes e banco atacados

01:00 · 27.06.2018
Image-0-Artigo-2419230-1
A quadrilha atacou dois carros-fortes de uma transportadora de valores, na divisa entre o Ceará e o Rio Grande do Norte, no km 94 da BR-304 ( FOTO: VC REPÓRTER )

Duas ações criminosas foram registradas entre a noite da última segunda-feira (25) e ontem, nos municípios de Aracati e Quixelô. O dinheiro não foi levado nas duas ocorrências, mas ninguém foi preso pela Polícia.

No primeiro caso, um bando, que utilizava duas caminhonetes roubadas (modelos Chevrolet S10 e Volkswagen Amarok), atacou dois carros-fortes de uma transportadora de valores, na divisa entre o Ceará e o Rio Grande do Norte, no km 94 da BR-304, na localidade de Cajazeiras, a 75 Km de distância de Aracati, por volta de 18h de segunda (25). Os blindados saíram de Mossoró para Fortaleza.

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), as caminhonetes roubadas perseguiram os carros-fortes. Em Aracati, os criminosos começaram a disparar contra os blindados, e um deles foi parar no acostamento da rodovia federal. Houve troca de tiros com os vigilantes.

Um carro-forte seguiu em fuga, sendo ainda perseguido por um dos veículos. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), três caminhões também foram roubados pelo grupo criminoso e colocados para bloquear a estrada. Ao ver o bloqueio, o automóvel blindado fez o retorno na via e foi interceptado pelos assaltantes com tiros. O veículo desceu o acostamento, e a quadrilha tentou explodir o carro-forte.

Uma operação do Comando Tático Rural (Cotar) e do Policiamento Ostensivo Geral (POG), Polícia Federal (PF) e a PRF conseguiu impedir o roubo do dinheiro. Os policiais chegaram após a perseguição dos criminosos aos vigilantes e o tiroteio promovido entre as duas partes.

Houve nova troca de tiros, e os assaltantes fugiram para o matagal, deixando vasto material ilícito para trás. Ninguém ficou ferido. A Polícia busca pelos criminosos, mas nenhum deles foi capturado até a noite de ontem.

Foram apreendidas duas caminhonetes roubadas; uma arma caseira Ponto 50; uma espingarda calibre 12; um carregador com munição de fuzil 5.56; e um explosivo que foi desarmado pelo Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate). O material apreendido foi levado à unidade da Superintendência da Polícia Federal em Mossoró (RN), para a abertura do inquérito policial.

Caixas eletrônicos

Em Quixelô, criminosos atacaram o Destacamento da PM e explodiram caixas eletrônicos do Bradesco, na madrugada de ontem. Segundo a SSPDS, o dinheiro não foi subtraído.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.