Mais lida

Tido como morto, criminoso pede revisão de prisão

00:00 · 31.05.2018

Tido como morto e foragido da Justiça, integrante de organização criminosa paulista, 'Andrezinho da Baixada', 39, pediu o relaxamento da ordem de prisão, determinada pelo Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE). Ele é indiciado no Ceará por homicídios praticados no Estado. Esta foi a matéria mais lida, ontem, no Diário do Nordeste.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.