Artigo

O Livro inspirador

00:00 · 08.09.2018

O convite do nosso bom Deus, pela voz da Igreja, é para pensarmos no valor e importância da Palavra de Deus, livro do amor, alma e vida, que nos ilumina e nos conduz ao grande encontro com o noivo. Como é maravilhoso carregar, na mente e no coração, o acabamento do mundo, na imagem de Jesus!

Ele é o noivo da humanidade a aguardar sua noiva - a Igreja -, que caminha na sua direção, não desatenta e distraída, mas na fé e na esperança, vestida com a roupa apropriada para o alegre e inaudito encontro.

A proposta da Igreja no Brasil, em setembro, é a de viver na esperança do compromisso batismal, haurindo da fonte inesgotável, a Bíblia, livro inspirado e inspirador. Ela é a gramática ou enciclopédia do povo de Deus, que, de modo correto, quer orientar homens e mulheres, na diversidade de dons, talentos, carismas e funções. A Bíblia foi escrita, num passado longínquo, por pessoas que viveram contextos diferentes do nosso. Mas Deus quer de nós, seus filhos, astúcia, convencendo-nos do que realmente importa, a Palavra de Deus, que é atual, "viva e eficaz, mais cortante que qualquer espada de dois gumes, capaz de penetrar, a ponto de dividir alma e espírito". Ouvintes e praticantes da palavra de Deus, aproximam-se sempre mais do ávido convite do noivo, que deseja de nós, cristãos, uma fé sólida e uma religião, não de aparências, mas apoiada, de verdade, no Livro Sagrado, consciente de que "toda a Escritura é inspirada por Deus, e útil para ensinar, para repreender, para corrigir e para formar na justiça".

Geovane Saraiva - Padre e jornalista

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.