artigo

Melhor prevenir

00:00 · 27.04.2018

Tão logo chega o inverno, cresce nas pessoas a preocupação com a gripe. O resfriado comum não é uma doença grave, em geral, mas debilita a saúde, principalmente de idosos e crianças. A vacina contra a gripe aplicada nos EUA entre nov/2017 e jan/2018 apontou 36% de eficácia, segundo informações do Centro de Controle e Prevenção de Doenças. Diante de inúmeros casos de síndrome gripal, neste período do ano, surge uma dúvida: como melhorar a imunidade a fim de prevenir tais doenças? O sono de qualidade, exercícios físicos regulares, ingestão de água adequada, gerenciamento do estresse e uma dieta rica em frutas e vegetais são imprescindíveis para manter uma boa funcionalidade do sistema imunológico. Algumas vitaminas e minerais podem aumentar a capacidade de fortalecer o sistema imunológico contra diversas infecções. A vitamina D, por exemplo, em estudo de meta-análise envolvendo 10.933 participantes, em 25 ensaios clínicos, mostrou-se bastante eficaz na prevenção contra infecção aguda do trato respiratório, principalmente em ambientes onde a deficiência profunda de vitamina D é comum. É importante destacar o papel da vitamina A na atuação da vitamina D, pois doses elevadas ou a insuficiência de vitamina A podem diminuir a eficácia da suplementação de vitamina D. Outras vitaminas e oligoelementos antioxidantes (vitamina C, E, selênio, cobre e zinco) têm o poder de neutralizar danos causados por espécies reativas ao oxigênio, aos tecidos celulares e podem modular a função das células imunológicas, ajudando a prevenir infecções extracelulares. Melhor prevenir do que remediar.

Erik Guanabara. Médico

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.