Artigo

Meio ambiente

00:00 · 05.06.2018

A frase: "faça a sua parte" deve ser reforçada neste 5 de junho, Dia Mundial do Meio Ambiente. A data foi criada em 1972, na Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente, em Estocolmo. Com pequenas ações individuais e diárias, podemos fazer muita diferença.

O copinho de plástico descartável, por exemplo, usado quase diariamente para tomar o tradicional cafezinho no trabalho, demora cerca de 400 anos para se decompor na natureza.

Boa parte desse plástico vai parar nos oceanos, oito milhões de toneladas anuais, onde segundo dados divulgados em 2016 no Fórum Mundial de Davos, haverá mais pedaços de plásticos que peixes em 2050, ameaçando a vida marinha.

Adotar hábitos ambientais é uma exigência em prol da vida destes animais e da nossa também. Imagina só se em todos os órgãos públicos do Brasil, cada funcionário passasse a usar uma caneca para o café ou garrafinha para a água? Seriam milhares de copos descartáveis a menos jogados na natureza.

Pensando nisso, juntamente com o presidente da Câmara Municipal, Salmito Filho, estudamos a possibilidade, pelo Legislativo Municipal de Fortaleza, de adoção pela Agenda Ambiental na Administração Pública, de um programa do Ministério do Meio Ambiente que estimula órgãos governamentais a adotarem práticas sustentáveis.

Estimular pequenos hábitos no trabalho, que possam ser levados para nossos lares, virando uma rede de compartilhamento de boas práticas ambientais é necessário e urgente. Se cada um realmente fizer a sua parte, a gente consegue ajudar a natureza.

Iraguassú Filho
Vereador de Fortaleza

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.