artigo

De olho na Copa

00:00 · 24.04.2018

A Rússia estará nos holofotes de toda mídia e turistas mundiais nos próximos meses. Nesse momento, é preciso pensar em novas estratégias e apostar em formas interessantes de movimentar o negócio e atrair ainda mais clientes. Vale investir em promoções que atraiam o público em geral, especialmente, no segmento de bares e alimentação, que podem, por exemplo, criarem ações para favorecer grupos de pessoas a fim de atraí-las para assistir aos jogos no local.

É preciso destacar que é preciso estar preparado para atender um fluxo, muitas vezes maior do que o normal e em horários alternados, que anteriormente eram ociosos como no começo da tarde, por um longo período, que são os dias de jogos. No segmento de decoração e festas e materiais esportivos, por exemplo, a dica é investir em artigos temáticos para a Copa de 2018, afinal este segmento costuma ser mais lembrado durante a época. Cursos profissionalizantes e de idiomas podem lançar promoções para que futuros estudantes comecem a aprender uma nova língua com descontos durante período da Copa, entre junho e julho, aproveitando ainda a época para os chamados cursos intensivos.

Sob o ponto de vista do varejo, os comerciantes podem se beneficiar, e muito, se souberem aproveitar as oportunidades que um evento esportivo dessa magnitude proporciona. A dica é ampliar o mix da loja, agregando coleções pertinentes aos itens já comercializados. De toda forma, é preciso ficar atento para não investir muito alto e fazer um estoque muito grande. Com a Copa, alguns negócios crescem e outros param. Assim, é um ano para ter mais cuidado.

Mércia Machado. Bacharel em Serviço Social

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.