reação

Venda de veículos sobe 41% no CE; meta de 60 mil em 2018

De janeiro a abril, foram emplacados no Estado mais de 34 mil unidades, 9,21% a mais que em igual período de 2017

Clique sobre a imagem para ampliar
01:00 · 09.05.2018 por Hugo Renan do Nascimento - Repórter
Fortaleza, no acumulado deste ano, registra alta de 9,53% nos emplacamentos ( FOTO: NATINHO RODRIGUES )

Com uma previsão conservadora de emplacar até o fim deste ano 60 mil veículos em todo o Ceará, a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave/CE) já realizou emplacamentos de 34.741 unidades até abril deste ano. Na comparação com o mesmo período do ano passado, houve alta de 9,21%. Em abril, o avanço foi de 41,01% em relação a igual mês do ano passado. "Realmente a gente está superando a crise econômica. Começamos a reviver, voltando aos poucos. Os bancos estão financiando mais, os consórcios estão operando com mais desenvoltura, o fluxo nas concessionárias aumentou", argumentou Fernando Pontes, presidente da Fenabrave/CE.

Ainda de acordo com ele, a superação no número de emplacamentos no Estado é reflexo das medidas macroeconômicas do governo e que estão dando de volta a credibilidade dos clientes. "Além disso, nós estamos fazendo feirões e promoções para atrair o público cearense para as concessionárias", destacou.

Os resultados da Fenabrave mostram ainda que, em abril deste ano, foram emplacados no Ceará 9.920 veículos, enquanto que no mês imediatamente anterior foram 9.061 emplacamentos, um incremento de 9,48%. "Para o Ceará nós esperamos que os resultados melhorem. No País, o mercado espera mais uma vez que passe dos 3 milhões de carros emplacados. Nós já estamos com mais de 1 milhão no primeiro quadrimestre", apontou Pontes.

Segmentos

Considerando apenas o segmento de automóveis, o Estado emplacou em abril deste ano 3.929 unidades, uma elevação de 38,78% na comparação com o mesmo período de 2017, ao licenciar pouco mais de 2,8 mil veículos. No segmento comercial leve, o crescimento foi de 47,45%, ao passar 392 unidades em abril de 2017 para 578 veículos emplacados no mês passado. Somando automóveis e comercial leve, a recuperação foi de quase 40%. Levando em conta apenas o segmento de caminhões, responsável por grande parte do transporte de cargas no Estado, o incremento no Estado foi de mais de 46%. A categoria passou de 73 emplacamentos em abril do ano passado para 107 unidades no mesmo período de 2018.

Ano em Fortaleza

Em Fortaleza, no acumulado deste ano, os números apontam uma alta de 9,53%, ao passar de 14.214 para 15.569 emplacamentos. Em abril de 2018, foram emplacados 4.536 veículos na Capital, enquanto que no mesmo período do ano passado foram 3.202, um incremento de 41,66%. Na comparação de março com abril de 2018, houve um crescimento de 11,26%, ao passar de 4.077 para 4.536 emplacamentos na Capital. Considerando os setores, o resultado em Fortaleza foi mais bem avaliado na categoria ônibus. Neste sentido, a Capital passou de sete emplacamentos em abril de 2017 para 24 unidades perante o mesmo período deste ano, um incremento de 242,86%.

Na categoria automóveis, o aumento foi de 37,92%, considerando a comparação de abril deste ano com abril do ano passado. Neste caso, foram 2,7 mil unidades (abril/18) contra 1,9 mil (abril/17). No comercial leve, o crescimento foi de 39,15%, ao passar de 189 licenciamentos em abril de 2017 contra 263 no mesmo período deste ano

No País

O mercado de veículos somou, de janeiro a abril, 1.108.913 unidades em todo o País, o que representa aumento de 17,65% ante as 942.537 unidades licenciadas no mesmo período do ano passado. Apenas em abril, foram emplacados 311.181 veículos, 34,80% acima do volume registrado no mesmo mês do ano passado, com 230.848 licenciamentos. Na comparação com março, quando foram licenciadas 298.626 unidades, houve um acréscimo de 4,20%.

Quadrimestre

Do total comercializado no quadrimestre, 737.282 unidades são dos segmentos de automóveis e comerciais leves, que registraram forte crescimento de 20,45% perante igual período do ano passado, quando foram licenciadas 612.117 unidades. Em abril, esses dois segmentos, juntos, somaram 209.995 unidades, o que representa 37,83% de alta sobre o mesmo mês de 2017. Na comparação com março, que totalizou 200.085 veículos emplacados, esse volume é 4,95% maior.

Rota de recuperação

Para o Presidente da Fenabrave, Alarico Assumpção Júnior, o mercado se mantém firme em sua rota de recuperação, seguindo a perspectiva de crescimento projetado pela entidade. "A queda na inadimplência aliada à queda da taxa de juros, vem favorecendo o setor como um todo. Atualmente, a inadimplência da carteira de crédito, com recursos livres para pessoas físicas, é de 2,5%, e para pessoas jurídicas é de 3,6%. Estes resultados são os menores desde do mês de abril de 2011, fatores que favorecem a oferta de crédito pelas instituições financeiras", declarou.

Motos

O segmento de motocicletas também comemora, em abril, resultados bastante positivos. As 82.152 motocicletas emplacadas no mês representaram 26,47% de avanço perante as vendas de abril do ano passado, e 3,52% acima do volume de março. No acumulado do quadrimestre, o segmento de duas rodas somou 301.542 emplacamentos, mostrando importante retomada de 9,27% ante os mesmos meses de 2017. Em ritmo acelerado, o mercado de caminhões segue sua trajetória de recuperação. De janeiro a abril, foram licenciados 20.891 caminhões, o que representa 58,76% a mais do que em igual intervalo do ano passado. As vendas de abril somaram 6.223 unidades, 78,41% acima do volume de idêntico mês de 2017 e 4,27% ante março de 2018.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.