CAPITAL E LITORAL

Turista encontrará sinalização

02:17 · 27.11.2009
( )
Depois de mais de um ano de serviço, os visitantes que vierem ao Ceará na próxima temporada encontrarão sinalização adequada para os principais corredores turísticos. O investimento dispensado pelo Governo do Estado e Ministério do Turismo (MTur) foi de R$ 7,5 milhões.

Do montante, R$ 4,5 milhões foram destinados à instalação de placas indicativas nas rodovias do litoral cearense. Os outros R$ 3 milhões foram aplicados nas 578 novas placas dispostas por Fortaleza, nos principais acessos e bairros.

Na Capital, as placas obedecem às regras estabelecidas pelo Código de Trânsito Brasileiro (CTB). As de fundo verde correspondem à orientação de destino; as de cor azul, a serviços e localidade; e as de cor marrom, a atrativos turísticos e patrimônios históricos.

Litoral
No Litoral Oeste, o trabalho de estabelecimento das placas está a 15% da conclusão e passará pelos municípios de Caucaia, São Gonçalo do Amarante, Paracuru, Paraipaba, Trairi, Itapipoca, Amontada, Itarema, Acaraú, Cruz, Jijoca de Jericoacoara e Camocim.

Já no Litoral Leste, os trabalhos na rodovia CE-040 só estão concluídos até o Iguape, a 45 km da Capital. Os planos são para que a sinalização cubra toda a extensão litorânea, finalizando em Icapuí, mas o Governo do Estado só deve dar continuidade às obras após a conclusão da duplicação da estrada no trecho que vai até Beberibe, prevista para abril de 2010.

"Até a alta estação, nós estaremos com a sinalização de Fortaleza e do litoral toda concluída, com exceção da rodovia CE-040, na qual só colocaremos as placas após a conclusão das obras de duplicação", afirmou Bismarck Maia, secretário de Turismo do Ceará.

Interior
De acordo com o secretário, após a conclusão dos trabalhos em Fortaleza e no litoral cearense, o governo levará a nova sinalização ao Interior. As primeiras regiões beneficiadas serão o Cariri, a Serra da Ibiapaba e o Maciço de Baturité. Serão investidos cerca de R$ 1 milhão em cada uma das obras. Os recursos para a sinalização da Ibiapaba, segundo o secretário de Turismo, já estão assegurados pelo Tesouro Estadual. Para as placas de Baturité, o Governo espera contar com dinheiro do Programa de Desenvolvimento do Turismo no Nordeste (Prodetur) linha de crédito do MTur em parceria com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). Já para o Cariri, o dinheiro deverá vir do próprio Ministério, mas o Estado poderá entrar com investimento próprio.

Bismarck Maia está otimista para a chegada da alta estação no Ceará. "Tivemos o melhor mês de novembro da história, com o aumento de 20% na taxa de ocupação dos hotéis. Antes, a maior reclamação dos turistas que chegavam ao Ceará era a ausência de sinalização turística. Estamos chegando ao fim de 2009 com Fortaleza totalmente sinalizada, solucionando esse problema que prejudicava inclusive o morador", concluiu.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.