1º trimestre

Transporte de cargas no Aeroporto salta 25%

Governo fará novo encontro com setor produtivo antes do início das operações do hub da Air France-KLM

Em março, foram movimentadas 3,4 mil toneladas de carga no Aeroporto, 22,8% a mais que o volume transportado em igual mês do ano anterior
01:00 · 14.04.2018 por Yohanna Pinheiro - Repórter

Os voos da Air France/KLM ainda nem começaram, mas a movimentação de cargas via Aeroporto Internacional Pinto Martins já acumula 25% de crescimento no primeiro trimestre de 2018 ante igual período do ano passado. De acordo com o boletim de tráfego dos aeroportos administrados pela Fraport no mundo, foram 10,1 mil toneladas (t) transportadas no trimestre, frente a 8,1 mil t (cargas e correio) nos primeiros três meses de 2017.

Somente em março, foram movimentadas 3,4 mil t de carga no Aeroporto, 22,8% a mais que igual mês do ano anterior, quando 2,9 mil t haviam sido transportadas, sendo 2,4 mil t referentes à carga e 453 t aos correios, segundo dados da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero). A movimentação de cargas já havia apresentado um avanço de 4,7% em fevereiro e de 19,4% em janeiro deste ano.

Segundo a Fraport, as cargas mais exportadas por meio do terminal cearense são frutas, calçados, couros e pescados.

Mais capacidade

A partir do próximo mês, quando têm início as operações da Air France/KLM para Paris e Amsterdã a partir de Fortaleza, o Ceará terá uma capacidade de exportação de 84 t por semana pelo modal aéreo, segundo a diretora de Cargas da KLM, Renata Branco, e o secretário Cesar Ribeiro (Desenvolvimento Econômico), em reunião com o setor produtivo no fim do mês passado.

Como a expectativa da executiva é de transportar mais carga, de forma gradativa, alcançando pelo menos 20 t por voo (como já é realizado pelo grupo em São Paulo e no Rio de Janeiro), a chegada de cinco voos semanais a partir de maio e mais um em outubro ao Aeroporto deve elevar a capacidade do Estado para 120 t semanais. Segundo Ribeiro, vários agentes de carga estão se cadastrando no grupo em decorrência da reunião em março.

Agora, um novo encontro será marcada em breve entre a SDE e o setor produtivo para, segundo Ribeiro, "entender a demanda específica deles e prepará-los para o início das operações do hub". Ele destaca que o hub é uma oportunidade singular para os exportadores do agronegócio do Estado, em especial dos setores de pescados, com a lagosta viva; plantas e peixes ornamentais; e frutas.

Passageiros

Também cresceu no mês de março a movimentação de passageiros no Aeroporto de Fortaleza. Segundo o boletim de tráfego dos aeroportos da Fraport, houve um avanço de 1,9% em relação a março de 2017 - foram 476.877 passageiros que pousaram e/ou decolaram em Fortaleza no mês, cerca de 8,9 mil a mais que os 467.929 que passaram pelo terminal em igual período do ano passado.

No primeiro trimestre, o Aeroporto acumula um crescimento de 2,6% na movimentação de passageiros ante os três primeiros meses do ano passado. Foram 1,561 milhão de clientes transportados no período, ante 1,522 milhão no primeiro trimestre de 2017, conforme registrado pela Infraero. Em maio, deverá ser sentido o incremento de voos para atender ao hub da Air France-KLM/Gol na Capital.

Considerando todos os movimentos de aeronaves no terminal, o mês de março encerrou com crescimento de 1,2% ante igual mês de 2017, com 4.252 pousos e decolagens frente a 4.200. No acumulado do ano, foram registrados 13.133 movimentos, 0,1% a mais que no primeiro trimestre do ano anterior, quando existiram 13.120 pousos e decolagens no terminal, o que mostra estabilidade da movimentação ante o ano passado.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.