Salão de beleza é um dos pequenos negócios mais procurados - Negócios - Diário do Nordeste

Feira do Empreendedor

Salão de beleza é um dos pequenos negócios mais procurados

24.11.2006

Secador, escova, prancha, cadeira, lavatório, mesa. Esses são alguns dos itens necessários para se abrir um salão de cabeleireiros. No modelo montado pelo Serviço Nacional do Comércio (Senac), na Feira do Empreendedor, no Centro de Convenções, os interessados em começar um novo negócio podem aprender além de técnicas capilares, aspectos práticos de um empreendimento.

A coordenadora de imagem do Senac, Janaína Madeira Tannus, explica que os visitantes do estande interessados em colocar um salão passam por cursos e depois são encaminhados para técnicos do Serviço Brasileiro de Apoio à Micro e Pequena Empresa (Sebrae). “As pessoas podem tirar todas as suas dúvidas aqui na feira”, diz.

Uma das participantes, que em breve deve se tornar uma micro empresária, é a cabeleireira Cláudia Gomes. “Já trabalho em casa, atendendo minhas amigas. Agora, vou ter meu salão profissional. Vim aqui tirar esclarecer como posso montar meu negócio. Há tempos tenho vontade de ter a minha independência financeira, mas só agora tive orientação para isso”, conta.

A Feira do Empreendedor, que segue até sábado e tem entrada gratuita. Possui ainda estantes voltados para o segmento de agronegócios, alimentação, artesanato, turismo, serviço, entre outros.

Comente essa matéria


Editora Verdes Mares Ltda.

Praça da Imprensa, S/N. Bairro: Dionísio Torres

Fone: (85) 3266.9999