ligação facilitada

Reino Unido negocia voo Fortaleza-Londres

Informação foi confirmada pelo cônsul-geral do Reino Unido, Graham Tidey, que esteve na Capital

A operação do hub aéreo da Air France-KLM elevou a visibilidade do Ceará como destino turístico, despertando também a atenção de agências de viagem do Reino Unidos, afirmou o cônsul
01:00 · 13.06.2018 / atualizado às 01:01 por Hugo Renan do Nascimento - Repórter

Fortaleza pode ganhar, em breve, mais uma rota para a Europa. Dessa vez, o destino poderá ser Londres, na Inglaterra. A informação foi confirmada, ontem (12), pelo cônsul-geral do Reino Unido, Graham Tidey, que esteve em Fortaleza para apresentar linhas de crédito do governo britânico a representantes da Prefeitura da Capital cearense.

> Energia, saúde e tecnologia na mira

"Estamos muito interessados em um voo direto entre Fortaleza e Londres. O que a gente pode fazer é articular a disponibilidade de assentos e parcerias com as empresas. Ainda é cedo para definir datas, por exemplo, mas há sim uma negociação neste sentido", explica Tidey.

Segundo ele, agências de viagem do Reino Unido estão muito interessadas neste voo direto. "Devido aos novos voos da Air France-KLM, as agências têm perguntado sobre promoções e pacotes para o Ceará. O Estado ficou bastante visível porque essa ligação se tornou mais fácil com 12 cidades do Reino Unido ligadas a Fortaleza pelos voos da Air France", acrescenta o cônsul.

Graham Tidey afirma ainda que o kitesurf é um dos pontos fortes do estado do Ceará na atração de turistas britânicos.

"Existe uma demanda muito boa para um voo entre Fortaleza e Londres. O estado que tem mais visitantes britânicos ainda é a Bahia, no Nordeste, mas o Ceará tem um ponto muito forte no turismo que é o kitesurf", completa o cônsul.

Negociações

A negociação de um voo direto entre as duas cidades não é novidade. Em março deste ano, o secretário do Turismo, Arialdo Pinho, disse que a Secretaria do Turismo do Estado (Setur), está pleiteando a operação de novas ligações saindo de Fortaleza para Nova York, nos Estados Unidos, e Londres, na Inglaterra.

De acordo com ele, a negociação ainda está em fase inicial e, caso prospere, deve se tornar realidade somente a médio prazo. "A gente tem trabalhado com as companhias, mas é algo que não é para agora, mas para daqui um ano ou um ano e meio", destaca o secretário.

Debate

A conversa com companhias aéreas é sigilosa e, de acordo com o cônsul, é um ponto que está sendo debatido com empresas do setor e governos.

"Nós vemos Fortaleza com um grande potencial com o hub e a parceria da Air France-KLM e a concessão do aeroporto. Nós queremos participar inclusive das obras de ampliação com os serviços britânicos porque somos referência no mundo. Seria interessante para nós chegarmos mais perto do Estado com uma linha direta entre as duas cidades. Mas o voo não foi confirmado ainda, apenas está sendo debatido", afirma Tidey.

Expansão do turismo

Fortaleza está numa fase de forte expansão do turismo, com novos voos e diversos investimentos na área turística. Até agora, já foram confirmadas novas rotas para Miami e Orlando, nos Estados Unidos, pela Gol e Latam Airlines; para a Cidade do Panamá, no Panamá, pela Copa Airlines; para Córdoba e Rosário, na Argentina, também pela Gol; e novas frequências para Frankfurt, na Alemanha, pela Condor; Paris (França) e Amsterdã (Holanda), pela Air France-KLM; e Buenos Aires (Argentina), pela Gol.

Existem ainda negociações para novos destinos, que ainda não foram divulgados por questões de sigilo. A expectativa do trade turístico é que, em breve, sejam anunciados voos para Casablanca, no Marrocos.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.