Paralisação dos caminhoneiros

Sobe para 10 número de aeroportos do país sem combustível

Alguns deles já estavam desabastecidos desde segunda-feira (28), como de Juazeiro do Norte

15:09 · 30.05.2018 / atualizado às 15:41 por Folhapress

A Infraero informou que 10 dos 54 aeroportos operados pela estatal estavam sem combustível às 13h desta quarta-feira (30), o 10º dia da paralisação de caminhoneiros que afeta o abastecimento no país. No início do dia, eram apenas sete aeroportos.

Alguns deles já estavam desabastecidos desde segunda-feira (28), como São José dos Campos (SP), Uberlândia (MG), Campina Grande (PB), Juazeiro do Norte (CE), Palmas (TO), Imperatriz (MA) e Londrina (PR). Além desses, Maceió (AL), Montes Claros (MG) e Brigadeiro Protásio, em Belém (PA) -que não é o aeroporto internacional de Belém.

40 voos cancelados

O índice de voos cancelados foi menor nesta quarta-feira, véspera do feriado de Corpus Christi. Segundo a Infraero, até as 14h, dos 708 voos programados, 40 foram cancelados (5,65%), índice menor do que o registrado no mesmo período de terça-feira (29). Os voos atrasados eram 46 (6,5%).

O que dizem as companhias aéreas

A Avianca havia anunciado nesta terça o cancelamento de 35 voos entre esta quarta-feira e o próximo domingo (3).

​As companhias aéreas recomendam que o passageiro que tem voo marcado para os próximos dias verifique o status do voo nos sites das empresas. Taxas de remarcação e cancelamento não estão sendo cobradas por Avianca, Azul, Gol e Latam.

 

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.