Para 18 funções

Parque aquático abre seleção de 286 vagas para a alta estação

Oportunidade para quem deseja um emprego na alta temporada turística

As vagas ofertadas são de auxiliar de limpeza, auxiliar de cozinha, camareira, cozinheiro, instrutor de brinquedos, entre outros.
11:21 · 15.05.2018 / atualizado às 09:33 · 20.05.2018 por Redação Diário do Nordeste

O segundo melhor parque aquático da América Latina, de acordo com o Trip Advisor, localizado no Aquiraz, já está se preparando para a alta temporada de férias. O Beach Park abre processo de seleção para 286 vagas distribuídas em 18 cargos de atuação. As vagas ofertadas são de auxiliar de limpeza, auxiliar de cozinha, camareira, cozinheiro, instrutor de brinquedos, churrasqueiro, atendente A&B, commis, garçom, auxiliar de fotografia, recreadora, copeira, recepcionista de park, recepcionista Vacation, recreador de jogos, operador de loja (caixa), vendedor de loja e promotor de marketing. 

Os processos de seleção iniciaram neste mês de maio e os interessados podem cadastrar o currículo no site do empreendimento. Sobre as contratações para emprego temporário no Beach Park, em média é feito um aproveitamento de 20% dos profissionais para efetivação. Selma Freitas, coordenadora de RH, esclarece que esse dado é relacionado à última alta.

O Beach Park turístico, que engloba rede hoteleira, restaurantes e parque aquático, anunciou investimento de R$ 15 milhões no brinquedo "Vainkará", com uma expectativa de crescer até 15% no faturamento deste ano e pelo menos 5% no número de visitantes.

O "Vainkará" deverá estrear em meados de junho. Com um perfil de visitante basicamente nacional, o Beach Park pretende atrair novos mercados. "Os turistas são provenientes de São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília e do Nordeste. Os turistas internacionais representam apenas 5% dos visitantes". Em 2017, o parque aquático recebeu 1.028.785 de pessoas. Com um aumento de pelo menos 5% em 2018, o Beach Park deve ultrapassar um público de 1.080.224 de turistas.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.