Entrada de recursos

Investimento Direto no País soma US$ 8,6 bi em agosto até dia 23

Em julho, os ingressos de IDP somaram US$ 3,897 bilhões, e o BC espera que os números cheguem a US$ 9,5 bilhões em agosto

15:42 · 27.08.2018 por Estadão Conteúdo

O chefe-adjunto do Departamento de Estatísticas do Banco Central Fernando Lemos, adiantou nesta segunda-feira (27) que em agosto até o dia 23, a entrada de Investimento Direto no País (IDP) chegou a US$ 8,6 bilhões

Em julho, os ingressos de IDP somaram US$ 3,897 bilhões, e o BC espera que a entrada de recursos nessa rubrica chegue a US$ 9,5 bilhões em agosto. "A entrada de IDP tem sido mais do que suficiente para compensar o déficit em transações correntes", afirmou Lemos. 

Juros e dividendos

Lemos destacou que houve queda nas despesas líquidas tanto em juros como nas remessas de lucros e dividendos em julho.

"Com a elevação das taxas de juros internacionais, que remuneram as nossas reservas, houve um aumento de 54,8% nas receitas com juros em julho na comparação com o mesmo mês do ano passado", explicou. "Já os pagamentos de juros apresentaram redução de 10% na mesma comparação", completou. 

A remessa de lucros e dividendos de companhias instaladas no Brasil para suas matrizes foi de US$ 1,746 bilhão em julho, informou o Banco Central. A saída líquida representa um volume menor que os US$ 2,077 bilhões que foram enviados em igual mês do ano passado, já descontados os ingressos.

O BC informou também que as despesas com juros externos somaram US$ 3,794 bilhões em junho ante US$ 4,542 bilhões em igual mês do ano passado.

Em agosto, até o dia 23, os pagamentos líquidos de juros chegam a US$ 255 milhões e as remessas líquidas de lucros e dividendos somam US$ 944 milhões.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.