Pesquisa

BNB fica com primeiro lugar em Ranking de Ouvidoria do Banco Central

Levantamento reúne instituições financeiras com mais de quatro milhões de clientes e avaliou o atendimento durante o quarto trimestre de 2017

21:14 · 30.01.2018 / atualizado às 21:24
bnb
Ouvidoria do BNB também conquistou a melhor colocação no Ranking de Reclamações, com o menor número de reclamações.

O Banco do Nordeste ficou com a primeira colocação entre as instituições financeiras no quesito de atendimento aos clientes. Ranking de Qualidade das Ouvidorias foi divulgado nesta segunda-feira (29), pelo Banco Central (BC). O levantamento reúne instituições financeiras com mais de quatro milhões de clientes e avaliou o atendimento durante o quarto trimestre de 2017.

O ranking é divulgado trimestralmente e utiliza números e indicadores de desempenho no período, e ainda fatores como prazo médio de respostas em dias úteis, qualidade da resposta oferecida ao demandante, reclamações sobre a Ouvidoria e a participação do Banco no site Consumidor.gov.

Para o ouvidor do Banco do Nordeste, Isaías Dantas, o resultado reflete a transparência do BNB com os clientes e usuários, além de traduzir a imagem de uma instituição focada na qualidade do atendimento e no respeito ao consumidor.

“A Ouvidoria do Banco do Nordeste atendeu mais de 850 manifestações em 2017,  entre reclamações, denúncias, sugestões de melhoria e elogios. E o ano passado foi um marco para nossa área porque passamos a cumprir com a meta de atendermos pelo menos 50% das reclamações na metade do prazo estabelecido pelo Banco Central”, disse Dantas.

Reclamações

Além do Ranking de Qualidade de Ouvidorias, durante todo o ano de 2017, a Ouvidoria do Banco do Nordeste conquistou a melhor colocação no Ranking de Reclamações, também divulgado pelo BC, como o banco com o menor número de reclamações procedentes entre as instituições financeiras com mais de quatro milhões de clientes.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.