stopover

Air France-KLM lança opção de paradas grátis em Fortaleza

A parada grátis em Fortaleza é permitida para viagens iniciadas em Belém, Manaus, Natal, Recife e Salvador

15:50 · 14.06.2018
KLM
Inauguração do voo da KLM em Fortaleza no dia 3 de maio ( Foto: Alex Ferreira )

O Grupo Air France-KLM passa a oferecer paradas grátis em Fortaleza para viagens iniciadas no Brasil. Além de Paris e Amsterdã, o passageiro agora pode desfrutar das atrações da capital cearense, sem alterar o preço final da passagem, tanto na ida quanto na volta da sua viagem à Europa, e mantendo a mesma franquia de bagagem durante toda a viagem. O cliente deve selecionar a opção “Múltiplos destinos” no site da KLM ou consultar o seu agente de viagens de preferência.

Para cada trecho da viagem, ida ou volta, é possível selecionar gratuitamente qualquer uma dessas três opções de cidade. Não há limite de dias no destino de parada, independentemente de qual seja. É preciso apenas respeitar a estadia máxima permitida no tempo total da viagem, com base nas condições tarifárias. A parada grátis em Fortaleza é permitida para viagens iniciadas em Belém, Manaus, Natal, Recife e Salvador.

“Desde quando anunciamos Fortaleza como a nova porta de entrada dos voos da Air France e da KLM no Brasil, a possibilidade de oferecer paradas grátis na capital cearense aos nossos passageiros brasileiros se tornou a nossa prioridade”, afirma Jean-Marc Pouchol, diretor geral da Air France-KLM para América do Sul.

“Somos as únicas companhias a oferecer paradas grátis em Fortaleza. A concretização desse projeto reforça a importância do mercado brasileiro e permite que os nossos clientes escolham mais um destino em suas viagens a lazer ou a negócios, podendo depois seguir para a Europa”, completa.

Ainda é possível fazer mais de uma parada em um mesmo trecho da viagem por uma taxa de US$ 75 por parada adicional. O site da KLM conta com um tutorial passo a passo de como fazer uma reserva com paradas gratuitas.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.