diz ministro do Turismo

'O hub do Ceará é muito importante para o Brasil'

Vinícius Lummertz elogiou a atuação do Estado e destacou a relevância do avanço no setor para todo o País

01:00 · 18.05.2018
Image-0-Artigo-2401825-1
Ao participar de evento em Fortaleza, o ministro destacou a relevância do Ceará como um dos principais destinos turísticos do País ( FOTO: HELENE SANTOS )

O ministro do Turismo, Vinícius Lummertz, não poupou palavras para elogiar os avanços realizados no Estado do Ceará no fomento à indústria turística. Tendo o hub (centro de conexões) da Air France/KLM-Gol como principal evento dos últimos tempos, ele exaltou a atuação local e enfatizou a importância da parceria para todo o País.

"Estamos e estaremos sempre ao lado do desenvolvimento deste hub no Ceará. Ele é muito importante para a logística, distribuição do turismo no Brasil", afirmou Lummertz. O ministro participou, ontem, do 60º Congresso Nacional de Hotéis (Conotel 2018) e Equipotel Regional, eventos simultâneos realizados neste ano no Centro de Eventos do Ceará (CEC), em Fortaleza, desde quarta-feira (16), e que terminam hoje (18).

Para o ministro, o Estado do Ceará é, ainda, um dos principais destinos do País, motivo que o torna valioso aos olhos do setor turístico. "O Ceará tem um dos melhores trabalhos da história do turismo brasileiro, em termos de divulgação, e não é de hoje, é de muitos anos. Concebeu um produto. E isso melhorou mais ainda, com muitos voos internacionais, para 15 cidades do mundo. Está muito interligado, tem um potencial de geração de empregos enorme".

Lummertz comentou que a administração cearense pode tomar como exemplo os casos bem sucedidos de regiões como o Panamá e Dubai, para seguir trilhando um caminho venturoso no segmento do turismo, mirando, desta forma, as atenções do público internacional.

"Quem faz um bom trabalho nesta direção na América é o Panamá e a Copa Airlines. Dubai, também. Eles desenvolveram sistemas de prestação de serviço de turismo que interessa ao Ceará, pela sua posição estratégica, pelo tamanho de Fortaleza, por seu potencial turístico, e pelo trabalho que foi feito. Nós apoiamos", disse Lummertz.

O ministro do Turismo informou que, na próxima semana, acompanhará o titular da Secretaria do Turismo do Estado (Setur), Arialdo Pinho, em uma viagem à China. "Vamos buscar investimentos para o Ceará e para o Brasil, em uma missão numa feira de turismo em que o Brasil será o País homenageado".

Tecnologias

A chegada dos aplicativos e sistemas de aluguel de quartos, como o AirBNB, na opinião do ministro, deve ser discutida. "A posição do Ministério é ser favorável, não cercear o desenvolvimento tecnológico. É ele quem, historicamente, revoluciona a economia. Mas é preciso uma regulamentação", opinou.

O presidente do Congresso Nacional, senador Eunício Oliveira, que também participou dos eventos ontem, foi mais taxativo. "Não posso dizer que não sou a favor da tecnologia, mas os chamados aplicativos, não podem, ao meu ver, concorrer com os empreendedores em condições divergentes. Quero colocar aqui que, em meu mandato de senador, de presidente do Congresso Nacional, a gente possa fazer com que aqueles que concorrem, concorram na mesma condição de pagamento de impostos, de taxas", afirmou.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.