preços

IPCA: gasolina pode pressionar em maio

01:00 · 11.05.2018

Rio. A alta recente do dólar ainda não impactou nos preços medidos pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de abril, mas representa um risco para a inflação dos combustíveis e de produtos eletrônicos, disse nessa quinta-feira (10) o gerente de Índice de Preços ao Consumidor do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Fernando Gonçalves.

"Possivelmente, (a alta do dólar) pode se refletir nos preços dos combustíveis, na gasolina, por conta da política de preços da Petrobras, e em alguns itens eletrônicos que têm componentes importados em sua composição", afirmou Gonçalves.

Ontem, o IBGE também informou que a inflação oficial medida pelo IPCA ficou em 0,22% no mês de abril ante um leve avanço de 0,09% observado em março último.

Ainda segundo Fernando Gonçalves, os preços ao consumidor de abril não sentiram impacto de mudanças no câmbio - o real começou a se desvalorizar mais recentemente. No IPCA do mês passado, a gasolina apresentou variação de 0,26%.

Leia ainda:

> Inflação da RMF sobe 0,28%; 5ª menor do País 
> INPC de Fortaleza tem alta de 0,22%

 

 

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.