ATÉ O FIM DO ANO

Grupo ICH negocia administração de mais 2 hotéis no CE

Hotelaria urbana é o foco. Cidades como Sobral e Juazeiro do Norte também estão entre os alvos do Grupo

01:00 · 07.06.2018 por Hugo Renan do Nascimento - Repórter
foto
Na Capital cearense, a ICH Administração de Hotéis possui, hoje, relacionamento com o Golden Fortaleza by Intercity ( FOTO: REINALDO JORGE )

A ICH Administração de Hotéis, que detém as bandeiras Intercity Hotels, YOO2 by Intercity e hi!, negocia a administração de mais dois hotéis no Ceará até o fim deste ano. "Nós temos algumas conversas em andamento. No curto prazo, ainda em 2018, estaríamos buscando mais duas unidades. O segundo passo, no Estado, é atingir algumas cidades do Interior, como Sobral e Juazeiro do Norte. O nosso foco é na hotelaria urbana", explicou Sergio Bueno, diretor de Desenvolvimento da ICH.

De acordo com ele, o investimento no turismo de lazer e negócios, além do aumento do número de voos para a Capital tornam as cidades cearenses atraentes para o modelo de administração da empresa. "Fortaleza é hoje o principal ponto de expansão no Nordeste. Atualmente, a nossa presença na cidade está subrepresentada com apenas uma unidade, mas o Ceará é um Estado que está mostrando o maior potencial de crescimento da Região e Fortaleza tem tudo para se tornar o principal aeroporto do Nordeste", acrescentou.

Modelo de negócio

De acordo com o executivo, a ICH está focada na administração de hotéis e tem o interesse de ampliar esse modelo de negócio. "Nós temos parcerias com proprietários locais de hotéis. O proprietário, muitas vezes, não é especialista em administração hoteleira. A gente traz tecnologia, relacionamento comercial e o dono conta com o nosso apoio nessa gestão. O hotel pode assumir ou não a nossa marca".

No Ceará, a ICH tem relacionamento com o Golden Fortaleza by Intercity. "O Ceará está aparecendo como um dos principais estados do Nordeste e por isso queremos expandir a nossa atuação". O modelo de negócios é composto pela administração completa do empreendimento ou uma parceria de comercialização para ajudar o hotel a ter mais reservas. "Esse é o modelo mais frequente hoje de desenvolvimento de hotéis no País. No Ceará existem vários hotéis que operam neste formato. Nós estamos com o Golden desde 2010. A partir de agora o Nordeste está retomando esse posto de nossa atenção e no Estado nós percebemos uma reação muito positiva", completou Bueno.

Nordeste

Além de Fortaleza, a ICH também está presente em outros estados do Nordeste. Na Bahia, são dois hotéis em Salvador (Intercity Salvador e Intercity Salvador Aeroporto), em Pernambuco-Grande Recife (Intercity Suape Costa Dourada), em Alagoas, há o Intercity Maceió, no Rio Grande do Norte (Intercity Natal), e na Paraíba (Intercity João Pessoa). A previsão é de uma abertura em Campina Grande, também na Paraíba. Ao todo, a rede possui quase mil quartos em todas as unidades da Região.

A companhia informou que 20% dos hotéis da empresa estão no Nordeste. "É o momento para realizarmos uma expansão dessa atuação mais fortemente na Região, principalmente no Ceará, atingindo hotéis independentes que desejam usufruir da expertise da rede".

Se para a hotelaria brasileira, os dados do 1º trimestre de 2018, divulgados pelo FOHB (Fórum de Operadores Hoteleiros do Brasil), foram bons, para a ICH foram melhores ainda. A empresa cresceu 17% em receita produzida por quarto, no primeiro trimestre de 2018, enquanto o mercado midscale nacional mostrou um aumento de 8,8% no mesmo indicador. Os números de desempenho da rede também apresentam um crescimento de Ocupação de 19%, enquanto o mercado cresceu 9,8%.

Os dados positivos são resultados da retomada da demanda hoteleira, acompanhada do aquecimento econômico, e também da diversificação do modelo de atuação da ICH, que desponta dentre as maiores redes hoteleiras do Brasil.

"A gente está muito feliz com o resultado. O País começa a deixar a recessão para trás. É um caminho longo para recuperar, mas a hotelaria já está mostrando de forma bastante homogênea isso. Nós temos uma recuperação bastante forte e o caminho está se consolidando".

Segundo Bueno, o crescimento nas receitas de janeiro a abril foi de cerca de 20%. "A média do setor é entre 9% e 10% de crescimento. A nossa empresa consegue tirar melhores resultados porque somos especializados em administração hoteleira", acrescenta.

Além da administração de hotéis e da disponibilização do uso de marca, a empresa aposta no seu novo modelo de negócio: o Distribuited by Intercity - voltado para hotéis independentes, com gestão e marcas próprias, que necessitam de mais recursos e ferramentas para administrar suas vendas, marketing, distribuição e revenue management.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.