a partir deste sábado

Fortaleza vai receber mais de 16 mil cruzeiristas neste ano

Outros quatro navios irão aportar em Fortaleza em janeiro. Até o fim desta temporada, a Capital receberá 12 embarcações ( Foto: Natinho Rodrigues )
01:00 · 13.01.2018

Dando sequência a temporada de cruzeiros 2017/2018, Fortaleza recebe, neste sábado (13), o navio Sirena, primeiro cruzeiro do ano. A partir das 12 horas, a embarcação, que tem capacidade de 572 passageiros, vai atracar no terminal do Porto do Mucuripe e deve permanecer até às 23 horas. O navio Sirena é um dos 12 navios que ainda devem atracar em Fortaleza nesta temporada, totalizando 16.110 passageiros, de acordo com dados da Secretaria do Turismo de Fortaleza (Setfor).

Durante todo o mês de janeiro outros quatro navios irão aportar em Fortaleza entre os dias 20 e 27. O maior navio desta temporada em todo o Brasil, o MSC Preziosa com capacidade para 4.345 passageiros, também deve atracar na Capital.

Por meio de nota, a Setfor destacou que realiza ações para recepcionar os cruzeiristas no terminal de passageiros do Porto para recepcionar os turistas. "Durante a chegada, os visitantes recebem brindes, informações de pontos turísticos, endereços das Casas do Turista, dicas de restaurantes e praias", disse a Pasta.

O secretário do Turismo da Capital, Alexandre Pereira, ressalta que fazer com que o turista se sinta acolhido contribui para que eles retornem e tragam toda a família. "Esses turistas vêm, passam um dia aqui, quando se sentem acolhidos retornam com toda a família. Os cruzeiros marítimos além de aumentar o fluxo de turistas nas cidades, movimentam a economia local e do entorno, geram empregos e ainda promovem o destino tanto no País, quanto internacionalmente", frisou.

Na temporada 2016/2017, em toda a costa brasileira a movimentação foi de 380 mil cruzeiristas. O pacote mais caro saiu por R$11.059, no navio Sirena da Oceania Cruises que parte do Rio de Janeiro e segue até Miami. A capital cearense é uma das rotas mais incluídas nos roteiros de paradas do Nordeste.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.