100% maior

Fluxo nos shoppings deve dobrar no feriado

Vendas neste feriado de portas abertas também devem ser até 20% melhores devido ao Dia da Criança

Shopping Iguatemi, assim como outros empreendimentos, prepara programação especial para as crianças neste dia 12 ( FOTO: HELENE SANTOS )
01:00 · 12.10.2017

Em pleno funcionamento neste feriado de Nossa Senhora Aparecida, 12 de outubro, data na qual também é celebrado o Dia da Criança, os shoppings esperam uma movimentação generosa, chegando a projetar um fluxo 100% maior durante todo o dia de hoje em relação a um dia normal de funcionamento. As lojas abertas também devem ser um convite às compras do presente das crianças, já que as vendas devem ter incremento de até 20% na data na comparação com um dia normal.

É o caso do Shopping Parangaba, que espera ver seu fluxo dobrar no dia de hoje. As vendas, de acordo com Leonardo Franco, superintendente do empreendimento, também devem ser melhores, com crescimento previsto de 14% em relação ao dia 12 de 2016, ano no qual o feriado caiu em um dia de quarta-feira. O shopping também preparou programação especial para as crianças nesta quinta-feira, com banda infantil, palhaços, pintura facial e outras atrações, todas parte do projeto "Parangaba é Show".

O Shopping Benfica também está esperançoso para o Dia da Criança. O equipamento espera um fluxo 50% maior e um incremento de 20% nas vendas, segundo a superintendente Marcilane Pinheiro. Em comemoração ao Dia da Criança, o empreendimento oferecerá oficina de culinária para os pequenos a partir das 10 horas, na praça de alimentação.

No Iguatemi, o movimento já tem crescido em torno de 10% ao longo desta semana em decorrência da data, com picos de até 20% em um único dia. De acordo com o superintendente do shopping, Wellington Oliveira, a expectativa para este feriado é de um incremento de 15% no fluxo de pessoas e nas vendas.

Nesta quinta, o shopping realiza a tradicional revoada de pipas, evento no qual serão distribuídas cinco mil pipas.

"É um evento bem lúdico, uma brincadeira que reune pais e filhos e que a gente resolveu resgatar, então sempre fazemos no Dia da Criança", frisa Wellington Oliveira.

O Grand Shopping aposta nas apresentações humorísticas para atrair pais e filhos neste Dia da Criança, com projeto Grand Risos. O empreendimento espera um fluxo de público e de venda 8% maiores em relação ao ano anterior. "As famílias poderão vir curtir o feriado desfrutando de todas as lojas, atrações e facilidades que o shopping tem a oferecer", reforça a Gerente de Marketing, Simone Ponce.

No RioMar Fortaleza, é esperado um fluxo de pessoas 30% maior na comparação com um dia comum. Entre as atrações infantis para a data está a Viradinha Cultural, com espetáculos teatrais, contação de histórias, festival de talentos, cineminha e outras atrações das 10h às 19h, na Praça de Eventos do Shopping, piso L3.

Neste dia 12 de outubro, das 16h às 19h, o Via Sul Shopping oferece aos pequenos a Brinquedolândia, distribuição de pipoca, algodão doce e espetáculo da Cia Mix da Alegria. O North Shopping Fortaleza também terá atividades infantis durante o feriado

Com as iniciativas, os shoppings da Ancar, juntos, North Shopping Fortaleza, North Shopping Jóquei e Via Sul Shopping, esperam um crescimento nas vendas de 11% para o segmento de brinquedos e artigos infantis e de 6% para o geral dos shoppings.

Impostos

Os pais, avós e familiares que pretendem presentear as crianças da família devem ter em mente que, para cada lembrancinha comprada, há uma percentual fiscal embutido. Em um dos países com a maior carga tributária do mundo, Os impostos podem representar até 72% do valor total dos produtos mais demandados pelas crianças para a data.

Quem está se programando para comprar um PlayStation, por exemplo, deve saber que 72,18% do valor total do produto será destinado aos cofres públicos. Se o presente for ainda um aparelho de MP3 ou iPOD, o consumidor pagará 49,45% aos órgãos arrecadatórios, segundo levantamento realizado pelo Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação.

A bicicleta tem carga tributária de 45,93%; os computadores entre 24,30% e 33,62% de impostos; os livros 15,52% e nem a bola de futebol fica livre dos impostos, com 48,49% do seu valor indo para os cofres públicos.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.