Após 2 meses

Demanda por voos domésticos é recorde

01:18 · 18.04.2013
São Paulo. Depois de dois meses de queda, a demanda de passageiros por transporte aéreo doméstico voltou a crescer em março e atingiu novo recorde de vendas. A procura por voos registrou aumento de 1,14%, em comparação com o anotado no mesmo mês do ano passado, informou ontem, a Agência Nacional de Aviação Civil, Anac .

No ano de 2013, o crescimento é de 1,19%, ante o mesmo período de 2012. Avianca e Azul se destacaram no mês, com aumento de 30,97% e 29,00%, respectivamente.

Entre as maiores empresas nacionais, o grupo TAM, que reúne a TAM Linhas Aéreas e a Pantanal Linhas Aéreas, anotou um aumento de 3,76%, no período pesquisado, e a Gol registrou 6,34%. As duas empresas são líderes do setor aéreo no País, com 39,26% e de 36,19% de participação no mercado, respectivamente. No primeiro trimestre, as duas foram responsáveis por 76,07% dos voos realizados no mercado brasileiro.

Internacionais

A demanda por voos internacionais de empresas brasileiras cresceu mais, 9,54%, na comparação de março último, com o mesmo mês de 2012. A oferta teve aumento de 18,08%. A taxa de aproveitamento de assentos ficou em 71,57%,em março

Oferta

Já a oferta doméstica teve uma queda de 5,97% em março ante o mesmo mês em 2012. A redução vem caindo desde setembro do ano passado, após um crescimento seguido de oito anos e cinco meses. A Anac estima que a demanda doméstica deve crescer 10% neste ano. No ano passado, o crescimento foi de 6,79% em relação a 2011.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.