COLUNA

Stand: indústria de materiais de construção busca retomada

01:00 · 06.09.2018

A indústria de materiais de construção mantém o ritmo de retomada do crescimento no ano à despeito de externalidades, quem avalia o cenário é a Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção (Abramat). Foi registrado crescimento no faturamento do setor em julho da ordem de 3,7%, comparado a igual mês do ano anterior. Os resultados aferidos indicam manutenção da tendência de recuperação do setor no ano, apesar de dificuldades, como a greve dos caminhoneiros e do novo patamar cambial.

O mês de julho, já mais distante da externalidade da greve, foi de continuidade da tendência de crescimento do setor, apontando aumento de 5,7% no faturamento em relação ao mesmo mês do anterior. Em relação ao número revisado de junho, o crescimento foi de 1,1%, fazendo com que o crescimento acumulado no ano, em relação ao mesmo período no ano anterior, atinja 1,7%. O resultado está em linha com a projeção de expansão acumulada anual de 1,5%, mantida pela associação desde o início de 2018. Já o emprego na indústria de materiais de construção segue rumando para uma reversão de tendência. O acumulado no ano agora é de -0,9%, melhor resultado desde janeiro. No mês anterior, o ano acumulava redução de -1,2% no número de vagas. Portanto, foi o segundo mês consecutivo em que a redução de vagas na indústria de materiais de construção ocorre. Os resultados ainda são considerados tímidos, mas perseguem uma melhora do setor, de acordo com a expectativa da Abramat.

Image-1-Artigo-2449512-1

Espaços com pisos cheios de estilo Profissionais da arquitetura e decoração estão sempre em busca de soluções modernas e mais acessíveis para todas as formas de morar. Uma das propostas criativas envolve os pisos laminados e rodapés cheios de estilo. Um ambiente inspirado no contemporâneo e atemporal feminino, é o Estar da Casa, que é assinado por Patricia Fiuza. O destaque pelo uso do piso laminado Eucafloor New Elegance. O revestimento aplicado em uma das paredes, formando um "L", cria um contraste na composição do espaço.

INCC em alta

O Índice Nacional de Custo da Construção (INCC) teve alta de 0,36% no 2º decêndio de agosto mantendo a trajetória de alta. No mês anterior, o indicador havia subido 0,90%. Já o índice relativo a Materiais, Equipamentos e Serviços teve variação de 0,79%, abaixo do resultado de julho, situado em 0,96%. O INCC permite analisar a evolução dos gastos das construções, no que envolve a aquisição de materiais, mão de obra e equipamentos.

Despejo

Ordem de despejo envolve questões jurídicas, mas também pessoais. É preciso que imobiliária e advogado estejam alinhados a fim de resolver o processo com proprietário e inquilino para que as partes estejam cientes de seus direitos e deveres. "Normalmente as imobiliárias têm assessoria jurídica, mas as custas processuais o proprietário tem que pagar", alerta o advogado Marcus Novaes, especialista em recuperação de ativos.

Bravo

Com Valor Geral de Vendas (VGV) de R$ 45 milhões, o Bravo Residence, da Trato Incorporações já tem 65% das unidades comercializadas. O empreendimento, no Guararapes, acaba de ser entregue e conta com uma área total do terreno de 3.225,64m², sendo 2.720m² de lazer, duas torres, três unidades por andar. São 102 apartamentos e área de lazer completa com piscinas adulto e infantil e deck gourmet.

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.