Coluna

Stand: Caucaia projeta arrecadação de R$ 10,5 mi com o IPTU

01:00 · 12.04.2018

A Prefeitura de Caucaia projeta arrecadar R$ 10,5 milhões neste ano com o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU). A cifra é 23% superior ao registrado no ano passado, quando foram recolhidos R$ 8,5 milhões. Os carnês já começaram a ser distribuídos pela Secretaria Municipal de Finanças, Planejamento e Orçamento (Sefin) do Município. O contribuinte de Caucaia terá de três opções para o pagamento do tributo neste ano. Se o proprietário do imóvel estiver adimplente e optar por quitar o valor à vista, de uma única vez, terá 15% de desconto. Nesse caso, a quitação deve ser feita até 10 de julho. Para os proprietários inadimplentes que queiram pagar a cota integral também à vista, o desconto será de 10% até 10 de agosto. Já a terceira forma de pagamento beneficia quem pretende parcelar o imposto. O pagamento pode ser dividido em seis meses, sem abatimentos, com a primeira cota em julho. A Sefin de Caucaia estima que 95% dos documentos chegarão aos proprietários. Em 2016, apenas 60% receberam. No ano passado, o patamar saltou para 80%. Em toda a Caucaia, mais de 100 mil carnês serão confeccionados este ano.

Todo o valor arrecadado com o IPTU deve ser, desde 2017, integralmente destinado à saúde, segundo a legislação do Município.

Copa do Mundo

Comprar um imóvel e ganhar uma viagem para à Rússia? Até o dia 30 de abril, a BSPAR Incorporações levará clientes que comprarem um dos imoveis da grife para a sede do Mundial de futebol. Os imóveis estão em áreas nobres. "Nossa intenção é movimentar o trade imobiliário, além de presentear nossos clientes com essa viagem, já que somos o país do futebol", diz a superintendente comercial da BSPAR, Renata Santos.

Corretores

A fiscalização do Conselho Regional de Corretores de Imóveis (Creci-CE) percorreu quase 200 locais apurando denúncias sobre o exercício ilegal da profissão. Atualmente, o Ceará possui cerca de 17 mil profissionais inscritos no Creci e mil imobiliárias em atividade. A profissão é regulamentada pela lei nº 6.530, de 12 de maio de 1978 e o Conselho está instensificando as ações de fiscalização.

Smart City

Gestores públicos, empresários e especialistas em soluções tecnológicas debatem sobre o desenvolvimento de cidades inteligentes e qualidade de vida, de 16 a 18 de abril, em São Paulo, durante o Smart City Business América Congress & Expo. A Planet Smart City, idealizadora da Smart City Laguna, em construção no Ceará, participa das discussões.

foto
Iluminação de ambientes mesmo com queda de energia O Sistema Autônomo de Energia Centralizada (Saec), criado pelo técnico em Telecomunicações cearense, Lúcio Rogério Tavares, garante abastecimento elétrico para lâmpadas em residências e demais imóveis, em caso de interrupção do fornecimento de energia, cumprindo o papel das tradicionais lâmpadas de emergência. O sistema é composto por mecanismos que se acionam automaticamente, quando há queda de luz elétrica, o fornecimento de uma nova corrente a partir de baterias. O aparelho consegue suprir a demanda de cinco lâmpadas de LED por quase 45 minutos, a partir de uma bateria estacionária de sete amperes.

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.