Coluna

Egídio Serpa: Direita, esquerda e o caos

egidio-serpa

Egídio Serpa

egidio@diariodonordeste.com.br

01:00 · 31.05.2018

Deixou de ser uma greve de caminhoneiros e virou um movimento político a manifestação que, há 11 dias, paralisa o transporte rodoviário e a produção da indústria e do agronegócio no País. Como o serviço de inteligência do Governo Temer é também de uma clara ineficiência, grupos de ação político-ideológica - de direita e de esquerda - solapam os esforços no sentido do fim da greve. E mais do que isso: atiçam o ódio com o óbvio objetivo de causar uma convulsão social que só interessa aos radicais dos dois lados. A cinco meses da eleição, a direita e a esquerda - seja lá o que isso queira dizer - movem-se na direção do caos. E quanto mais greve, melhor. O Brasil e seu povo ordeiro e trabalhador não merecem este castigo. É preciso cassar a atual e eleger nova elite política.

Crédito

Avicultores que tiveram prejuízos causados pela greve dos caminhoneiros terão crédito do novo Plano Agrícola a ser anunciado na próxima semana pelo Ministério de Agricultura. O crédito chegará por meio de Cooperativas de produtores.

Nutec

Festa na Fundação Nutec, classificada em 1º lugar na região Nordeste no Edital Procel Edifica 2018, da Eletrobras. Ela emparelhou com a Marinha do Brasil e com a Unicamp. A Nutec vai instalar painéis fotovoltaicos no telhado dos seus edifícios.

Nota Fiscal

Amanhã, 01/06, a Sefaz descontinuará seus sistemas gratuitos para a emissão de Nota Fiscal Eletrônica - a NF-e. Há saídas. Uma delas é o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), que criou o SPC NFe, também gratuito e confiável.

Ambev

Informa a Ambev: sua fábrica de cerveja localizada em Aquiraz reduziu - graças à tecnologia - seu consumo de água em 20%. Com R$ 6 milhões de investimento, foi construída Estação de Tratamento de Efluentes, permitindo o reúso da água.

Água mais cara, se existir

Tem futuro no Ceará a atividade agropecuária? A pergunta foi feita a Maia Júnior, titular da Seplag, por empresários do setor. Ele foi longo na resposta, mas em resumo disse que o Plano Ceará 2050 conterá as diretrizes e estratégias que viabilizem a atividade, empregadora intensiva de mão de obra. “Teremos de criar um programa para o desenvolvimento da área” - afirmou. Maia ouviu mais quatro perguntas: Onde há água no Ceará? Quanto ela custa? Para onde deve ir? Que culturas irrigará? A água da agropecuária no Ceará é barata. Empresas do agronegócio podem pagar mais por essa água, desde que ela não falte.

Parsifal

Terça-feira, 5, na Livraria Cultura, será lançado o livro “Parsifal, um intelectual na Política”. De autoria de Luís Sérgio Santos, o livro conta a história do ex-governador Parsifal Barroso na política, na academia e na literatura. Promoção do Instituto Myra Eliane, presidido por Igor Queiroz Barroso, neto de PB.

Bom

Prefeitos

Vem aí, nas próximas terça e quarta-feiras - 4 e 5 de junho - o Seminário Prefeitos 2018. Será no Centro de Eventos. É uma promoção do Diário do Nordeste com parceria da Prática Eventos.

Ruim

Químicos

Até agora, a Cagece não sentiu falta de produtos químicos que utiliza nas suas estações de tratamento de água e esgoto. A greve dos caminhoneiros já afeta esse serviço em outros estados. 

Livre Mercado

Especialista em recursos hídricos e barragens, o engenheiro Cássio Borges dá razão ao agrônomo José Maria Pimenta, para quem a saída para a minimização da evaporação dos açudes é a construção de barragens inteligentes - profundas e com menos espelho d’água. Borges considera que foi um erro técnico do antigo e extinto Dnos, que projetou o açude Castanhão na quota 100 m - sem ouvir o Dnocs. Ele também diz que o Plano Estadual de Recursos Hídricos - é omisso e precisa de ser revisto.

 

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.