Coluna

Egídio Serpa: Danilo é aposta holandesa

egidio-serpa

Egídio Serpa

egidio@diariodonordeste.com.br

01:00 · 20.03.2017

Como antecipara esta coluna, a autoridade do Porto de Rotterdam e a Cearaportos tornar-se-ão sócias. Minoritariamente, a primeira participará do capital da segunda, para o que ambas construirão, até dezembro, a engenharia jurídica que permitirá a integração da holandesa à política de concessões do governo do Ceará, criada e em desenvolvimento com o objetivo único de passar alguns dos seus ativos à iniciativa privada. Mas em um ponto os holandeses e os cearenses já acordaram: o atual presidente da Cearaportos, Danilo Serpa, seguirá à testa da empresa. Foi dele a ideia da parceria com o Porto de Roterdam, cuja autoridade descobriu as virtudes portuárias e industriais do Complexo do Pecém e, mais ainda, a extraordinária perspectiva de negócios que ele tem.

Esperança

Mauro Filho, secretário da Fazenda; Lúcio Gomes, da Infraestrutura; e Maia Júnior - do Planejamento, passaram o dia de ontem em Haia, a capital administrativa da Holanda. Foram e voltaram de trem com a esperança de que um dia o Brasil e o Ceará terão ferrovias modernas.

Elogio

Ex-ministro da Saúde do País Basco e hoje consultor do BID, Rafael Bengoa, que esteve em Fortaleza há 4 dias - fez elogios à Secretaria de Saúde do Ceará, que procura fazer "mais com menos". O "com menos" corresponde a "com menos dinheiro", claro.

Familiar 

Image-0-Artigo-2216509-1

Aníbal Feijó (foto), que preside o Sindicato da Indústria de Alimentos (Sindialimentos) está em Vigo, na espanhola Galícia. Levou toda a família, que tem raízes naquela região.

A carne brasileira é sadia

Erro de comunicação pode causar ao Brasil, líder mundial da exportação de carne - uma grave lesão. Esse mercado é disputado à unha pelas grandes potências da pecuária. Em um país organizado, o que apurou a PF teria sido comunicado diante dos ministros da Saúde e da Agricultura, o que aqui não houve. Creiam: a carne brasileira é sadia. Em dois anos a PF fez investigação em centenas de frigoríficos (o País tem mais de 2 mil) e só 21 foram denunciados. E 33 de 11 mil funcionários foram indiciados. Terá o Brasil de remar muito para reconquistar os mercados estrangeiros - máxime o europeu, um bom parceiro

Camarão

Image-1-Artigo-2216509-1

Cristiano Maia (foto), presidente da Associação Cearense dos Criadores de Camarão, não disfarça sua decepção com o Ministério da Agricultura, que mandou importar camarão do Equador, cuja carcinicultura tem 10 doenças, entre as quais a perigosa Síndrome da Mortalidade Precoce.

Bom

M. Dias Branco

Será o economista Pedro Brito o sucessor de Maia Júnior no Conselho de Administração do Grupo M. Dias Branco. Posse no dia 13 de abril, data da próxima reunião ordinária do Conselho.

Ruim

Cuidado!

Para os turistas, há perigo nas ruas da Holanda. É preciso estar atento às ciclovias, que, em Rotterdam, estão entre a calçada para os pedestres e as ruas pelas quais passam VLT e automóveis.

Livre Mercado

Hoje, a partir das 8h30, e por todo o dia, realiza-se no auditório da vice-governadoria, no bairro Edson Queiroz, um seminário - chamado de "Desburocratizando o Agronegócio no Ceará". Promovido pela Secretaria de Agricultura, Pesca e Aquicultura, o evento terá a presença de Ricardo Cunha Cavalcante Júnior, coordenador do Agro +, programa idêntico que o Ministério da Agricultura implanta em vários estados. No Ceará, o que não falta são problemas de toda ordem para a agropecuária.

 

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.