Coluna

Egídio Serpa: aquisições por estrangeiros

egidio-serpa

Egídio Serpa

egidio@diariodonordeste.com.br

01:00 · 02.10.2017

Os ativos brasileiros estão na prateleira. Nesse movimento, quem detém capital, sobretudo grandes companhias estrangeiras, encontra boas oportunidades aqui. Chineses, japoneses, alemães, canadenses já enxergaram esse potencial. A onda de vendas e/ou concessões deve perseverar. O Ceará levou vantagem com a aquisição do Aeroporto Internacional Pinto Martins pelos alemães da Fraport. Restam vários equipamentos do Estado ainda na lista de oferta. Em âmbito nacional, o setor elétrico é a bola da vez. Há investidores tradicionais do setor e estrangeiros com elevada liquidez que querem estrear ou aumentar a participação no País. O imprescindível: negócios têm que ser bons para ambos os lados.

913 postos de trabalho 

A expansão orgânica das Farmácias Pague Menos rendeu avanço de 48 colocações no ranking das 500 maiores empresas da América Latina. Além disso, recrutou mais de 2 mil profissionais neste ano. No Ceará, foram 913 contratações até agora.

Fomento

O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) vai oferecer R$ 6,7 milhões para realização de feiras, mostras e olimpíadas científicas. Os órgãos e institutos interessados em promover a atividade podem se inscrever para captar os recursos.

Empregabilidade

Até amanhã acontece, no RioMar Fortaleza, Piso L3, a Feira da Empregabilidade. Estão reunidos em um mesmo espaço profissionais e consultorias em busca da recolocação no mercado de trabalho. Além de palestras, há oportunidade de network e chance de conquistar vaga.

Consultoria avaliará FNE
 
Edital de tomada de preços publicado pelo Banco do Nordeste (BNB)prevê projeto que visa avaliar a eficiência do Fundo Constitucional do Nordeste (FNE) como mecanismo de política regional. A empresa vencedora fará análise de dados que verificará quais municípios têm respondido com maior eficiência a investimentos realizados no âmbito do FNE. Também avaliará quais setores e atividades beneficiados dão melhor retorno aos recursos aplicados. A vencedora do processo terá 12 meses, iniciando em janeiro para entregar o relatório final.

Cobertura 4G

A Oi lança a cobertura 4G em Acaraú, Pacajus, Camocim, Aracati e Pedra Branca, no Ceará, somando um total de 13 cidades beneficiadas com a tecnologia pela operadora. A companhia anota investimento de R$ 56,9 milhões no Ceará, no primeiro semestre deste ano.

Bom

Segurança

Todas as ações, com o foco de garantir a segurança da população, devem ser louvadas. Caso o Ceará lidere algum movimento no sentido de mudar o cenário atual ainda melhor.

Ruim

Correspondência

A situação dos Correios é preocupante. Funcionários pressionam com greve e resta ao cidadão buscar assegurar, via sites, suas correspondências de boletos e títulos a pagar.

Livre mercado

Caso a retomada econômica do Brasil se confirme no próximo ano, a Air Europa planeja operações no Nordeste também para 2018. Isso depende ainda do panorama da indústria da aviação comercial. Já consolidada em Salvador, a Air Europa tem atualmente três outros voos na semana. A ideia é ter três voos para Recife e quatro operações para Salvador a partir de 2018. A escolha do hub da Air France-KLM e Gol para o Ceará é encarada pela companhia como competição saudável.

*A coluna foi redigida pela jornalista Regina Carvalho

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.