Coluna

Egídio Serpa: a verdade ou o estelionato

egidio-serpa

Egídio Serpa

egidio@diariodonordeste.com.br

01:00 · 05.06.2018

Custa caríssimo manter o Estado brasileiro do jeito que a Constituição de 1988 o desenhou. Um desenho feito de encomenda pelas corporações que tomaram conta do aparelho estatal e o governam em benefício próprio - é só atentar para os altos salários e as gordas aposentadorias de quem habita o andar de cima do serviço público. No Poder Legislativo, troca-se voto por propina, desvendou a Lava Jato. É preciso mudar isso, viu? Há que revelar à população desinformada o tamanho da crise, quanto custará para sair dela e como isso será feito e em que prazo. Os economistas dos presidenciáveis dão sinais cuidadosos. Se o candidato for verdadeiro, poderá perder votos, mas não enganará o eleitor. Se mentir, estará anunciando novo estelionato. E aí virão o caos e a convulsão social.

Pecnordeste 

Hoje, na reunião quinzenal do Agropacto, a Faec lança o Seminário Nordestino de Pecuária - Pecnordeste, que será realizado de 5 a 7 de julho no Centro de Eventos com bois, cabras e suínos.

Roterdã

Já veio o hub aéreo da Air France-KLM-Gol; o hub de dados da Angola Cables vai acelerado; e o portuário - por meio da associação do Porto de Roterdã à CIPP S/A - é o que gera mais expectativa no Governo e no empresariado. "Mas ele chegará logo", diz a fonte do Palácio da Abolição.

Parsifal

Promovido pelo Instituto Myra Eliane, será hoje, às 19 horas, na Livraria Cultura, o lançamento de "Parsifal, um intelectual na política", livro de Luís Sérgio Santos. Conta a história de Parsifal Barroso, que foi governador do Ceará e ministro do Trabalho.

Ceará: dinâmica da política

Nos corredores da Fiec - pelos quais passa também o vento da política eleitoral - havia ontem um clima de surpresa com a notícia, mancheteada pelo Diário do Nordeste, segundo a qual o senador Eunício Oliveira, do MDB, não fará parte da coligação que lutará pela reeleição do governador Camilo Santana. "E agora, como vai ficar"?, indagou um industrial metalúrgico a um colega da mineração, que retrucou: "A política é dinâmica e amanhã tudo poderá retornar ao leito original da concórdia, pois são os interesses pessoais que regem essa ópera. Ao povo só cabe bater palma".

Movimentação

Movimentação de navios no Porto do Pecém é intensa. A exportação e a importação, também. Ontem, o Santa Virgínia embarcou placas de aço para os EUA. Hoje, o Vincente Pinzon e o Fernão Magalhães descarregam e carregam contêineres. Na 5ª feira, o Occean Applaud levará mais placas de aço.

Bom

Debate

Hoje, em S. Paulo, o cearense Mauro Benevides Filho participa com mais 3 grandes economistas brasileiros de um debate que abordará o hoje e o amanhã da economia e da política no País.

Ruim

Férias

Ouvia-se ontem o comentário de que o técnico Jorginho - que passou uma semana treinando o Ceará Sporting - veio até aqui para, remuneradamente, gozar um curto período de férias. Só.

Livre Mercado

Atuando há 22 anos na área da administração de condomínios, locação de mão de obra e segurança armada, a Viper associou-se ao capítulo cearense da Câmara de Comércio Brasil-Portugal. Alexandre Guilhon, sócio e diretor da empresa, informa que a Viper já mantém negociações com portugueses que têm negócios em Fortaleza. Alunos do Curso de Metalurgia do IFCE, do seu campus em Caucaia, conheceram pessoalmente o processo produtivo e a gestão de qualidade Aço Cearense.

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.