FORTES AFIRMAÇÕES

Temer e Aécio agiam para impedir avanço da Lava Jato, diz inquérito

Texto aponta ainda que Temer e Aécio faziam indicação de delegados para conduzir as investigações

13:42 · 19.05.2017 / atualizado às 14:54
temer e aecio
Afirmações contra o presidente e o senador estão na decisão do STF que determinou a abertura de inquérito ( FOTO: Reprodução )

O presidente Michel Temer (PMDB) e o senador Aécio Neves (PSDB-MG) agiram juntos para impedir o avanço das investigações. É o que diz o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, baseado na decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) Luiz Edson Fachin que determinou a abertura de inquérito contra ambos, além do deputado federal Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR).

De acordo com reportagem do G1, o presidente e o senador afastado articulavam ações que podem ser classificadas por tentativa de obstrução à Justiça.

"Além disso, verifica-se que Aécio Neves, em articulação, dentre outros, com o presidente Michel Temer, tem buscado impedir que as investigações da Lava Jato avancem, seja por meio de medidas legislativas, seja por meio de controle de indicação de delegados de polícia que conduzirão os inquéritos", afirma Janot.

LEIA AINDA:
. Janot acusa Temer de corrupção, obstrução de Justiça e organização criminosa
. Rodrigo Maia já discute com técnicos legislativos sobre eleições indiretas
. PF interceptou conversas telefônicas de Temer e de Gilmar Mendes
. Leia íntegra do pedido de Janot (PGR) e decisão de Fachin (STF)
. Não há ilegalidade em áudios gravados por Joesley, diz Fachin
. Delator diz que Aécio recebeu R$ 80 milhões para campanha e 'continuou pedindo mais'
. Temer e Aécio agiam para impedir avanço da Lava Jato, diz inquérito
. Delação JBS: "Temer quer que eu retire a ação" do TSE, diz Aécio em áudio gravado

O documento aponta ainda que Temer e Aécio faziam indicação de delegados para conduzir as investigações. "Além disso, verifica-se que Aécio Neves, em articulação, dentre outros, com o presidente Michel Temer, tem buscado impedir que as investigações da Lava Jato avancem, seja por meio de medidas legislativas, seja por meio de controle de indicação de delegados de polícia que conduzirão os inquéritos", afirma Janot. 

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.