Para segurança

Polícia Militar isola PF em Curitiba, onde Lula passou a 1ª noite

Um grupo de manifestantes passou a noite no local, mas ficou na parte externa do isolamento

09:06 · 08.04.2018 / atualizado às 10:03 por Estadão
lula curitiba
O ex-presidente Lula chegou no sábado (7) à noite na sede da Superintendência da Polícia Federal, onde irá cumprir pena ( Marcello Casal Jr/Agencia Brasil )

A Polícia Militar isolou neste domingo (8), a área da Superintendência da Polícia Federal (PF) em Curitiba, onde o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva passou a primeira noite de prisão. Há um perímetro de cem metros de distância do portão do prédio da PF.

Na noite de sábado, 7, manifestantes contrários e favoráveis a Lula se exaltaram na chegada do petista por volta das 22h30. Para contê-los, a polícia usou bombas de efeito moral e fez um cordão de isolamento na área que já dividia os dois grupos.

> Caso Tríplex: Entenda como fica o processo e a situação de Lula a partir de agora

Um grupo de manifestantes passou a noite no local, mas ficou na parte externa do isolamento feito neste domingo (8) pela Polícia Militar. O ex-presidente começa a cumprir a pena de 12 anos e um mês de prisão em sala especial na carceragem da PF.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.