Presidente do STF

Cármen Lúcia é recebida com protesto antes de palestra na PUC-MG

Na entrada da universidade, a ministra passou por faixas questionando o posicionamento do Supremo

10:32 · 20.03.2017 por Estadão Conteudo
Cármen Lúcia
A ministra faz palestra em aula inaugural da Faculdade Mineira de Direito (FMD) ( Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil )

Cerca de 50 manifestantes faziam protesto na manhã desta segunda-feira, 20, em frente à Pontifícia Universidade de Minas Gerais (PUC-MG) onde a presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, profere palestra pela manhã.

Na entrada da universidade, a ministra passou por faixas questionando o posicionamento do STF em relação ao impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT), e ouviu gritos de "golpista". Dentro do auditório, no entanto, Cármen Lúcia foi aplaudida em pé.

A ministra faz palestra em aula inaugural da Faculdade Mineira de Direito (FMD), da PUC, da qual é professora licenciada. O título da palestra é "O Papel do Supremo Tribunal Federal na Consolidação da Democracia".

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.