MUDANÇA DE PROFISSÃO

Wendell Lira, brasileiro que ganhou Puskás, diz ganhar mais dinheiro como youtuber

O jogador venceu por voto popular o prêmio de gol mais bonito em 2015, mas abandonou a carreira de jogador para seguir como youtuber

16:19 · 09.05.2018 por Folhapress
Wendell Lira
Wendell Lira tem mais de 520 mil inscritos em seu canal oficial do Youtube ( Foto: Instagram/reprodução )

O goiano Wendell Lira ganhou fama ao levar o prêmio de gol mais bonito do mundo de 2015, em cerimônia oficial da Fifa, mas só conseguiu o sucesso financeiro na internet. Aos 29 anos, Lira faturou cerca de R$ 300 mil no último ano compartilhando dicas do videogame Fifa em um canal no YouTube, e participando de eventos e torneios de e-sports.

Quando ganhou o prêmio Puskás da Fifa por um gol feito no clube Goianésia, por voto popular, Lira já tinha em mente a ideia de virar youtuber. "Queria ter uma carreira mais longa e sempre fui apaixonado por games. Eu me comunico bem com esse público mais jovem da internet, o que também ajuda", disse o ex-futebolista.

Lira tentou conciliar a carreira nos campos e na internet, mas o seu canal, atualmente com mais de 520 mil inscritos, acabou tomando a maior parte do seu tempo. "São quatro pessoas envolvidas no canal. A gente pensa no conteúdo que vai fazer, depois tem que produzir e editar. Ser youtuber não é só ligar uma câmera e sair falando. O ramo hoje em dia é muito profissional", explicou.

O vídeo mais assistido de seu canal, com mais de 1,2 milhão de visualizações, tem Lira recebendo uma chuteira de presente de uma marca esportiva. "Pela exposição que o YouTube traz, eu consigo negociar aparições em eventos, ações em redes sociais e propagandas. Estive recentemente em Manchester, onde pude entrevistar o Gabriel Jesus. São coisas que, como jogador de futebol, eu raramente teria oportunidade", afirmou.

Nova carreira

No futebol, Lira teve um início promissor, com boas apresentações pela seleção brasileira sub-20. Porém, lesões sérias no joelho atrapalharam a carreira do goiano, que só ganhou projeção nacional após ser o segundo brasileiro a ganhar o prêmio Puskás — o primeiro foi Neymar, em 2011 — , com um gol de bicicleta diante do Atlético Goianiense, no campeonato estadual.

"Estou ganhando como gamer e youtuber muito mais do que ganhava no futebol. Ano passado, conseguimos cerca de R$ 300 mil reais. Sem contar que é uma carreira sem data para acabar", afirmou Lira.

O goiano incentiva outros jogadores e treinadores a tentarem a transição do futebol para a internet, inclusive Vanderlei Luxemburgo, que demonstrou interesse em virar youtuber. No entanto, Lira alerta que o caminho não é tão fácil quanto parece.

"Acho que qualquer pessoa do futebol poderia entrar nesse ramo, inclusive o Luxemburgo. Mas é preciso ter força de vontade e dedicação iguais às da vida como futebolista. Não é só ter uma câmera. A concorrência é grande", concluiu.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.