Pressão

Torcedores voltam a protestar durante desembarque do Flamengo no Rio de Janeiro

Time carioca é o próximo adversário do Ceará na Série A do Campeonato Brasileiro

12:37 · 26.04.2018 / atualizado às 15:43
flamengo
Flamengo tem muros da sede pichados após empate na Libertadores ( Foto: Reprodução/Twitter )
A exemplo do que ocorreu na última segunda-feira, a torcida do Flamengo voltou a protestar, desta vez durante o desembarque do time, no aeroporto do Galeão (Rio de Janeiro), depois do empate em 0 a 0 contra o Santa Fé, da Colômbia.
 
Mesmo com o time ocupando a liderança do Grupo D, os torcedores se mostravam revoltados com a postura da equipe. Outra vez, os principais alvos das críticas foram o presidente do clube, Eduardo Bandeira de Mello, e o técnico da equipe, Maurício Barbieri. Eles vaiaram o time e proferiram xingamentos, com diversos palavrões.
 
"Pagar conta é obrigação. Vai embora do Flamengo. Eu quero é título", disse um dos torcedores mais exaltados. Outros cobraram Diego e pediram a saída de Rodinei. "Volta para a Ponte Preta", disse outro torcedor.
 
Quanto o grupo formado por jogadores, membros da comissão técnica e presidente se encaminhavam para o ônibus descaracterizado do clube, houve um princípio de tumulto, que foi rapidamente controlado por seguranças. Alguns torcedores deram tapas e socos na lataria do veículo. Apesar da presença de jornalistas no aeroporto, nenhum jogador concedeu entrevista. 
 
Com o segundo empate seguido na Copa Libertadores, o Flamengo chegou aos seis pontos e se manteve na liderança do Grupo D, com um ponto de vantagem sobre o River Plate, que encara o Emelec na quinta, em casa. O Santa Fe vem logo atrás, em terceiro, com quatro. Na próxima rodada, o time rubro-negro vai receber o Emelec no Maracanã, com a presença de sua torcida, no primeiro jogo após o fim da punição da Conmebol.
 
Na noite dessa quarta-feira, os muros da sede do clube carioca haviam sido pichados. O Flamengo volta a campo no domingo (29), quando enfrenta o Ceará na Arena Castelão, às 16 horas. A partida será válida pela 3ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro.
 
 

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.